GABRILA65162183544miv_Superinteressante Created with Sketch.

Qual a origem do táxi e por que tem esse nome?

Qual a origem do táxi e por que tem esse nome? (pergunta de Robson Dias, Salvador, BA)

Qual a origem do táxi e por que tem esse nome?
Robson Dias, Salvador, BA

Os ancestrais dos táxis datam do século 2. Os romanos inventaram o odômetro para medir distâncias percorridas por carruagens – e cobrar por isso.

Táxi a motor, só em Stuttgart, Alemanha, em 1897. Além da potência de 8 cavalos, outro avanço tecnológico dos avós do Uber era o taxímetro (taxameter, em alemão).

O aparelho “media a taxa” devida pelo usuário baseado na distância e no tempo de viagem. Por causa disso, os veículos foram apelidados de taxicabs: taxímetro + cabriolet (carruagem, em francês). Daí para táxi, foi uma corridinha.

Chegamos, Robson. Me avalie com 5 estrelas, hein.

 

Fontes: Livros Táxis, de Mary Winget, e História do Táxi e do Combustível GLP na Espanha, de Gonzalo Iglesias; Dicionário Houaiss.

Post anterior: Animais ficam depressivos e cometem suicídios?

Comentários
Deixe um comentário

Olá, ( log out )

* A Abril não detém qualquer responsabilidade sobre os comentários postados abaixo, sendo certo que tais comentários não representam a opinião da Abril. Referidos comentários são de integral e exclusiva responsabilidade dos usuários que escreveram os respectivos comentários.

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

  1. Wagner Barbosa

    Tu não merece nenhuma estrela, avô do uber???? Uber não é taxi.

    Curtir

  2. Mônica Felix

    Táxi é táxi, aplicativo é aplicativo. Um tem regras, paga imposto, é fiscalizado e vistoriado vaaaaarias vezes por ano. O outro se baseia na exploração e clandestinidade. Só ganha o dono que nem sabemos quem é.

    Curtir

  3. Euler Pimentel

    É realmente um absurdo em nosso país existirem pessoas que por conta de descontos de até 42%oferecidos por aplicativos de transporte que trabalha de forma prédatória que deverá dizimar a categoria de taxis em pouco tempo, uma empresa Norte Americana sem CNPJ e muito menos um ALVARÁ de fracionamento sem regras e sem normas e muitonos preocupada com a segurança de possíveis passageiros’as. Este sim dar se por um transporte clandestino, mas infelismente à pessoas que apoia esta clandestinidade ( QUEM APOIA A CLANDESTINIDADE ACABA POR FINANCIAR A CORRUPÇÃO ) os valores no nosso país parece estar invertido o certo esta errado? E o errado é que está certo?

    Curtir

  4. Ozz “PSC” y

    Toda esta ladainha só pra fazer propaganda da UBER, empresa americana que burla soberania dos países e está comprando além de políticos e juízes agora a imprensa também.

    Curtir

  5. Antonio Augusto Simoes

    Ir contra uma tecnologia tão avassaladora quanto os aplicativos de transporte individual é como voltar para a máquina de escrever. Mais barato, mais inteligente, melhor atendimento, carros mais modernos, maior disponibilidade… Os taxistas sempre prestaram um péssimo serviço e pegar um táxi na rua sempre foi uma tarefa quase impossível. A realidade é que o monopólio e sem concorrência tratavam o passageiro como lixo e, portanto, o cliente como bagagem(boneco no jargão deles). É, mas parece que o povo deixou de ser palhaço e surgiu uma ferramenta milhões de vezes melhor que o horrendo e caro táxi. A tecnologia, o preço e a liberdade entre usuário e prestador de serviço são tão avassaladoras que não adianta ficar entre essas duas pontas, quem ficar será devidamente esmagado.

    Curtir