Atrizes pornôs são mais felizes que outras mulheres

Por Atualizado em 29/11/2012

Não, amigos, elas não se sentem mal por trocar sexo por dinheiro. Pelo contrário, se sentem melhor e mais confiantes do que a maioria das mulheres. Duvida? É só dar uma olhada nessa pesquisa realizada por universidades americanas e pela Fundação de Assistência Médica à Indústria Adulta.

Os pesquisadores compararam 177 atrizes de filmes adultos a outras mulheres de fora da indústria pornô, que tinham a mesma idade (de 18 a 50 anos), status de relacionamento e pertenciam às mesmas etnias. Eles as entrevistaram para pegar informações sobre comportamento sexual, autoestima, qualidade de vida e uso de drogas. As atrizes voluntárias trabalharam, em média, três anos e meio com pornografia.

E elas parecem ter uma vida mais feliz do que as “mulheres comuns”. Segundo a pesquisa, as atrizes pornôs têm melhor autoestima, gostam muito mais do próprio corpo do que outras mulheres, níveis mais altos de espiritualidade, maior satisfação sexual e melhor qualidade de vida (dormem melhor e têm mais energia).

Como sexo é profissão, não faz sentido ser careta na cama. E é por isso que elas entram na vida sexual um pouco antes, em média com 15 anos, enquanto as outras mulheres perdem a virgindade aos 17. Se essa diferença não é assim tão gritante, o número de parceiros ao longo da vida chama muito mais atenção: as atrizes transam, em média, com 74 homens (e preferem que eles tenham uma experiência mínima de 21 mulheres), enquanto as outras moças, têm só 5 homens na vida (e esperam que tenham tido pelo menos 3 mulheres). E elas se divertem mais com sexo: 69% das atrizes dizem gostar muito da vida sexual e só 32,8% das mulheres comuns dizem o mesmo.

Mas nem todas as estatísticas não são assim tão favoráveis às atrizes. Elas realmente usam mesmo mais drogas e têm mais problemas com alcoolismo.

E aí, ficou surpreso?

(Na foto, a atriz pornô Alexis Texas)

Crédito da foto: commons.wikimedia.org

Leia também:
Filmes pornôs abalam a autoestima das mulheres
Mulheres excitadas sentem menos nojo
Mulheres baixinhas têm mais orgasmos

  • Junior

    Bem…. Não sei o que é pior…. Estou há uns 6 meses sem sexo…bebendo todas…. depressivo…. Só não uso drogas porque estou sem grana…. E elas que fazem muito sexo têm problemas com drogas e alcoolismo ??? Só se for pelo excesso de felicidade…. rsrsrsrs

  • Alessandro

    Tão felizes que morrem de overdose e suicídio com uma frequência enorme. Procurem no Google, vocês ficarão estarrecidos!

  • http://WWW.JOSE.COM.BR ANONIMO

    AS MULHERES QUE FALAM MAL AQUI É PQ TEM É INVEJA…

  • Gili

    HAHAHAAH certamente elas tem muito, mas MUITO mais prazer na vida. Só que aquele dado de parceiros ta estranho de mais. Só 74? E as “outras mulheres” apenas 5 homens? Eu devo ta conhecendo um monte de garotas de programa disfarçadas então HAHAHA.

    Essa pesquisa poderia quebrar muitos paradigmas dessa sociedade ranzinza.

  • Pingback: Primeira transa define como vai ser sua vida sexual – Ciência Maluca()

  • Bruno Fontes Dias Coelho

    São mais felizes por que dão mais!!!! Ou as outras são infelizes por que dão pouco 5 parceiros(e esperam só 3 dos homens) da para entender da onde vem a infelicidade… hehehe

  • Heitor Bonfim

    Super Interessante estimula estupro coletivo

  • marcela

    Meninos, elas parecem felizes mesmo, pois sempre tem um idiota que pagaaaaa pra comer…kkkkkk

  • maicon

    Cara essa Alexi Texas e demais..sera que ela atende como gp tbm?que bunda e essa

  • Certo

    Alexis texas Jadson.

  • carlos

    Todo mundo gosta de sexo, elas vivem fazendo o q gostam…somando ao prazer de dizer fod*-se para uma parte da sociedade falsa moralista, pq não seria uma pessoa mais feliz??? …

  • carlos

    Anatole??? Esperma tem efeito antidepresivo kkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkk

  • Rudney Doglas

    Se são mais felizes, porque usam drogas??? São mais felizes, mais têm mais chances de morrer mais cedo ou por drogas ou por doenças sexualmente transmissíveis, já que possuem mais parceiros durante a vida e nem sempre se protegem nas relações.

    Pesquisa furada!!

  • Lola

    Puxa, que realmente elas parecem ter uma vida realmente muito feliz! Olha só, quatro parágrafos falando da felicidade delas.
    E uma linha falando do uso de drogas e alcoolismo.
    Por que claro, com uma vida feliz dessas, faz todo sentido se submeter a drogas e alcoolismo.

  • anatole

    Acho que é por conta da liberdade sexual que elas possuem e pelo excessivo número de esperma que recebem, que conforme pesquisa anterior, tem efeito antidepressivo. Em outras palavras, dar mais melhora a autoestima.

  • Sergio

    Alexis Texas é o nome da atriz da foto.

  • Jadson Alex

    Colocou a nome da atriz da foto… I See What You Did There.

  • Paulo Sérgio

    “”Mas nem todas as estatísticas não são assim tão favoráveis às atrizes. Elas realmente usam mesmo mais drogas e têm mais problemas com alcoolismo.””

    A moralidade colonial brasileira chega a ser bizarra … Tem q terminar a matéria com algo do tipo “precisamos nos sentir superiores para não nos sentirmos pra baixo” … Na pesquisa original isso nem sequer é mencionado … Mas no pais dos pobrezinhos limpinhos algo positivo relacionado a sexualidade sempre precisa ser justificado com baixo estima … O que realmente significa “” usar MAIS drogas e ter MAIS problemas com alcolismo (?)”” Ou usa ou não usa … Ou tem ou não tem … O q significa esse MAIS ? Mais complexo de inferioridade de qm faz esse tipo de colocação ??? Moralidade Patética … Elas SÃO mais felizes e ponto … Superem e lidem com isso . (Como se mulheres q não tem sexo e nem auto estima não tivessem problemas com alcool e drogas)

  • Max

    Bem, é importante ler o artigo completo pra analisar a metodologia da pesquisa e ver se as interpretações que os autores fizeram dos dados não é contraditória. Porém, logo de cara algo salta aqui nesse texto: afirma-se que a média no tempo de serviço das entrevistadas é de 3,5 anos e também que elas têm mais problemas com drogas. Talvez lá pro 5º ano de serviço quem sabe as opiniões não podem mudar?

  • Daniel

    “69% das atrizes dizem gostar muito da vida sexual” hahahaha, só pode ser brincadeira né?? é muita coincidência!!