Lâmpadas fluorescentes duram mais tempo e são mais econômicas

Por Atualizado em 24/06/2011

Modelo Fluorescente

Em janeiro deste ano, o governo anunciou que as lâmpadas incandescentes deverão ser retiradas do mercado até 2016. Hoje, no Brasil, existem 147 modelos desse tipo de iluminação, que, aos poucos, será substituída por lâmpadas mais eficientes como a LFC (lâmpada fluorescente compacta), fluorescente tubular, halógena e LED.  Estima-se que o uso de lâmpadas fluorescentes geram um economia de energia de até 80%.

O desafio nessa transição é grande, já que o consumo de lâmpadas incandescentes é três vezes maior que o de fluorescentes compactas: são comercializadas, por ano, 300 milhões de unidades do primeiro tipo e 100 milhões do segundo tipo, mais econômico, segundo a Secretaria de Planejamento Energético do Ministério de Minas e Energia.

Alguns modelos de lâmpadas incandescentes para finalidades específicas continuarão a ser produzidos, como as feitas para estufas de secagem, pintura e equipamentos hospitalares e as usadas em sinalização de trânsito e para uso automotivo.


Modelo Incandescente


Mas, por que as fluorescentes são melhores?

Segundo o Instituto de Defesa do Consumidor (Idec), além da economia de energia, as fluorescentes produzem 70% menos calor (o que faz com que a necessidade de uso de ar-condicionado e ventilador seja menor). Essas lâmpadas são mais caras, porém duram mais tempo. Uma lâmpada incandescente tem cerca de mil horas de uso, enquanto as fluorescentes podem chegar a 10 mil horas de uso, segundo a Abilux (Associação Brasileira da Indústria de Iluminação).

Para saber mais:
Lâmpadas incandescentes serão retiradas do mercado até 2016
Que tipo de lâmpada é mais econômico?
Questão de luz

  • Rabanete

    Não é bem assim. As lâmpadas fluorescentes possuem baixo fator de potência (uma lâmpada de 20W, por exemplo, na verdade “consome” 29VA), são mais caras na produção e seus reatores eletrônicos produzem harmônicas e outros efeitos poluentes na rede elétrica. Shopping centers e grandes construções precisam instalar bancos de capacitores cuja única função é compensar os efeitos poluentes da iluminação fluorescente. Isso é custo e material jogados fora.

  • Legume

    Rabanete, as lâmpadas fluorescentes não foram feitas no sétimo dia por DEUS, e os problemas mencionados por vc são mínimos comparados com os benefícios em relação as lâmpadas incandescentes. As novas lâmpadas compactas e reatores, possuem fator de potência 0,95, não é necessário usar banco de correção de fp e mesmo em um grande shopping não é necessário utilizar equipamento para filtrar hormônicas, a não ser que seu shopping tenha grande quantidade de inversores de frequencia e circuitos chaveados, que não é o caso. Sem falar que 99,99% dos equipamentos que produzem harmônicas já possuem filtros instalados individualmente! Ou seja, vai estudar antes de fazer algum comentário!

  • Gustavo

    Há um porém pessoas!
    A obsolescência programada já está atingido as lâmpadas fluorescentes… elas já estão durando tão pouco como as incandescentes para que haja venda destes equipamentos… É comum ver as pessoas reclamando que essas lâmpadas estão durando pouco..

  • http://mmmaparecida@gmail.com Maria

    Tenho enormes prejuizos com as lampadas fluorescentes de diversos tamanhos. Na embalagem, prometem duração de dois anos, mas so duram alguns meses. O que devo fazer para nao ter tanta despesa? Preciso de uma orientação, pois ja nao sei nem a marca nem o tamanho que devo comprar para proteger meu orçamento mensal.

  • Brócolis

    @Legume – Balela. As CFL não duram mais (na maioria das vezes duram o mesmo), emitem luz ultravioleta prejudicial à saúde, sua reciclagem é difícil e cara, possuem componentes agressivos ao meio ambiente (o que as incandescentes não possuem).
    O fato das incandescentes durarem menos não é um problema técnico, é político: elas são deliberadamente feitas pra durar menos e obrigar a reposição frequente, o que pode ser facilmente “empurrado goela abaixo” dos consumidores, assim que as CFL forem obrigatórias.
    Poderia continuar falando o dia todo sobre as supostas alegações da superioridade das CFL, mas não tenho tempo, nem disposição pra um flame.

  • julia

    Na minha casa tem algumas lâmpadas florecentes e outras não. eu acho a florecente muito escura da para melhorar?