Fotos mostram sofrimento de nativos de ilha que desaparece com aumento do nível do mar

Por Atualizado em 11/11/2013

ghoramara-Daesung-Lee-560-1

Se é mesmo verdade que uma imagem vale mais do que mil palavras, o ensaio fotográfico On the Shore of a Vanishing Island, do fotógrafo coreano Daesung Lee, promete ser mais eficaz do que qualquer discurso ambientalista para convencer os países a tomar atitudes concretas e agressivas contra o aquecimento globalainda mais às vésperas da COP19 de Mudanças Climáticas.

Engajado desde 2008 em usar sua arte para retratar problemas causados pela globalização, Lee foi à ilha de Ghoramara, na Índia, clicar o sofrimento de quem vive no lugar, que está ameaçado pelo aumento do nível do mar.

Segundo Lee, desde 1980, o aumento da temperatura do planeta está, literalmente, despedaçando Ghoramara. Isso porque o crescimento do nível do mar causa erosão na costa da ilha, que já perdeu 50% do seu território.

Quem mais sofre com o fenômeno, claro, são as pessoas que vivem por lá. Além de perder o chão que pisam, eles estão ficando sem meios de subsistência. A agricultura e a pesca são as principais fontes de renda de Ghoramara e, ambas as atividades, também estão sendo impactadas pelo aquecimento global.

O governo da Índia até estuda evacuar o local nos próximos 25 anos e levar todos os moradores para uma região vizinha, a ilha de Sagar. No entanto, a medida não prevê nenhuma ajuda de custo aos nativos, o que – cá entre nós – não resolve o problema deles.

Com o ensaio fotográfico, Lee pretende conscientizar os tomadores de decisão de que é preciso passar por cima das questões políticas e econômicas que travam as decisões ambientais e agir urgentemente contra as mudanças climáticas, que estão causando situações como a de Ghoramara.

“Eu espero desesperadamente que as pessoas percebam que o estilo de vida que estão levando já destrói a vida de muitas pessoas em outras partes do mundo”, disse o fotógrafo à equipe do prêmio Sony World Photography. Em 2013, Lee levou o terceiro lugar na categoria Problemas Contemporâneos da iniciativa, graças ao ensaio feito em Ghoramara. Confira, abaixo, algumas fotos do trabalho e tente não se emocionar!

ghoramara-Daesung-Lee-560-2  

ghoramara-Daesung-Lee-560-3

ghoramara-Daesung-Lee-560-4

Fotos: ©Daesung Lee/Cortesia da Sipa Press e Sony World Photography Awards

Leia também:
Homem nascido na ilha de Kiribati pede asilo climático

Aumento do nível do mar ameaça 1400 cidades nos EUA
23 lugares para conhecer antes de eles morrerem
Países em extinção

  • Ranniely

    e ainda tem imbecil querendo fazer refinaria aqui no ceará! tá legal vai gerar emprego e blahblahblah, mas e quanto a isso tudo? enquanto o país fica rico (e nem se sabe direito se vai haver melhores condições para a população), mais e mais gases poluentes são liberados e casos como esses, de pessoas que estão com a vida nesta situação, já ocorrem. eu posso tah julgando errado, não tenho muito conhecimento nessas coisas de economia e politica do Brasil, mas isso é o que minha ainda pouca inteligencia vê nisso tudo.

  • Claudia

    Coitados =\

  • jonathan dos santos

    desculpa, é tarde demais , não vamos mudar a humanidade a tempo… so long and thanks for fish…