Superinteressante

Super 25 anos!
Super 345 - Falta de sol e a polêmica da vitamina D Por anos, o sol foi um vilão da saúde, e aprendemos a nos esconder dele. Hoje, mais da metade da população tem níveis baixos de vitamina D. E isso pode estar ligado ao aumento nos casos de depressão, câncer e outras doenças.

Assine a Super

Blogs

Posts da categoria ‘Nenhuma Categoria’


Galaxy S 4 terá sistema que monitora os seus olhos – e rola a tela automaticamente

6 de março de 2013


O novo smartphone da Samsung, que será apresentado dia 14, deverá ter um recurso bem interessante: o Smart scroll, que monitora o seu rosto, deduz para qual ponto da tela você está olhando, e rola o texto automaticamente. Pode parecer algo pequeno, mas não é. Essa função pode revolucionar o uso dos smartphones – imagine nunca mais precisar rolar a tela, para nada. E dar uma vantagem tecnológica à Samsung, que recentemente recebeu uma boa notícia: a Justiça dos EUA reduziu em 40% a multa que ela terá de pagar à Apple por ter plagiado o iOS.


Apple pode lançar relógio com iOS até o final do ano

5 de março de 2013


É o que dizem a agência de notícias Bloomberg e o site The Verge, ambos citando fontes internas da Apple. O relógio supostamente roda o sistema iOS, pode receber aplicativos e está sendo desenvolvido por uma equipe de 100 pessoas. O principal problema, segundo essas fontes, tem sido a bateria – que dura apenas dois dias, o que é considerado muito pouco pela Apple. E foi justamente essa foi a grande fraqueza do primeiro relógio com internet: o Spot, que foi criado pela Microsoft em 2004 e não pegou porque, além de ser bem limitado, precisava de recarga a cada dois ou três dias.


PlayStation 4 vai baixar filmes com resolução Ultra HD. Mas só para quem tiver internet muito rápida

1 de março de 2013


As televisões Ultra HD já começaram a chegar ao mercado, inclusive no Brasil, mas além de custar uma fortuna elas enfrentam um problema fundamental: praticamente não existe conteúdo disponível nesse formato. Não existem canais de TV, sites (com exceção de alguns vídeos do YouTube) nem locadoras que ofereçam programação em UHD. E enquanto continuar assim, o novo formato não irá decolar. Mas a Sony pretende dar o pontapé inicial – e disse que vai lançar um serviço de filmes em Ultra HD para seu novo videogame, o PlayStation 4, que chega ao mercado (gringo) até o Natal. Os filmes e os preços do serviço não foram divulgados, mas um detalhe crucial sim: eles virão via download, e cada filme terá “100 gigabytes ou mais”. Ou seja, um verdadeiro absurdo. Mesmo com uma conexão extremamente rápida, de 50 Mbps, baixar tudo isso levaria aproximadamente 4 horas. É um problema e tanto. Mas não é o fim da linha – já está em desenvolvimento um novo padrão de compressão de vídeo, o H.265, que corta pela metade o tamanho dos arquivos.


Novo jogo do Google usa o seu celular como joystick. Veja como é

27 de fevereiro de 2013


Funciona assim. Primeiro, no seu computador, você acessa o site Chrome Super Sync Sports
(é preciso usar o navegador Chrome). Em seguida, você pega o seu celular (Android 4.0+ ou iOS 4.3+; é recomendável estar conectado via Wi-Fi), acessa um determinado endereço e digita um código – ambos serão exibidos na tela do computador. E pronto: agora você pode jogar três joguinhos bem simpáticos, de corrida, ciclismo e natação. Dá para jogar sozinho ou com outros amigos, cada um usando o próprio celular como controle. É  divertido – e, principalmente, uma demonstração bem impressionante de integração entre smartphone, desktop e web.


Apple quer devolver US$ 100 milhões para clientes da App Store

26 de fevereiro de 2013


A empresa propos um acordo na Justiça dos EUA, onde era acusada de lesar os usuários de iPad, iPhone e iPod Touch. A questão envolve as in-app purchases, ou seja, aquelas compras que você faz dentro de um aplicativo (geralmente, moedinhas ou recursos extras para algum game). O problema é que, em alguns casos, essas compras podem ser feitas mesmo sem a senha da App Store. E isso, para quem tem filhos pequenos, é uma bomba-relógio – no ano passado, ficou famoso o caso do menino que gastou R$ 6.000 dentro de um joguinho de iPad.

Por esse motivo, um grupo de americanos estava processando a Apple, que agora aceitou fazer um acordo e pagar indenização de US$ 100 milhões. É uma soma expressiva. O porém é que, segundo a empresa, até 23 milhões de consumidores podem ter sido afetados. Isso significa que, se todos pedirem o reembolso a que têm direito, a oferta da Apple renderá míseros US$ 4,35 para cada um. A proposta será analisada pela Justiça na sexta-feira.