Blogs

Posts da categoria ‘Nenhuma Categoria’


Apple lança a iTunes Store no Brasil – com músicas, filmes e iCloud

13 de dezembro de 2011

Finalmente. Após sete anos e meio de espera, a loja virtual iTunes Store começou a vender música no Brasil. A loja, que entrou no ar na madrugada de hoje, pode ser acessada por meio do programa iTunes. Basta abrir o iTunes, clicar no ícone da loja e ela aparecerá para você (agora com músicas e filmes e não só aplicativos, como costumava ser).

A iTMS já está oferecendo uma coleção que inclui música pop (Coldplay) e mpb (Seu Jorge, Maria Bethânia, Roberto Carlos). Por enquanto, não é muita coisa – enquanto escrevo este post, há apenas 54 álbuns e/ou faixas avulsas (como o megahit “Se eu te Pego”, by Michel Teló) disponíveis na iTunes Store brasileira, que cobra US$ 1 por faixa ou US$ 10 por álbum. Também há filmes recentes, como “Planeta dos Macacos” e “X-Men Primeira Classe”, a preços que variam entre US$ 3 (para alugar, ou seja, o arquivo se autodestrói 48 horas após ser aberto) e US$ 15 (para comprar). A loja não oferece programas de TV nem livros em português, ao menos por enquanto.

Outra novidade que entrou no ar hoje é o serviço iTunes Match, que armazena cópias das suas músicas no iCloud, da Apple, para que você possa ouvi-las em qualquer dispositivo (computador, AppleTV, iPod, iPhone ou iPad) conectado à internet. Ele já está disponível no Brasil, a US$ 25 anuais. Os valores são pagos via cartão de crédito.

Em suma: habemus iTunes Store. Ela foi inaugurada com um cardápio bem restrito – que além de pequeno por si só não se compara ao acervo de serviços mais tradicionais, como o Terra Sonora. Mas finalmente soluciona os dois problemas que emperravam a música online no Brasil: integração com o iTunes e compatibilidade com iPod/iPhone (a maioria dos serviços locais sempre trabalhou com arquivos no formato WMA Protegido, que os gadgets da Apple não rodam). A iTunes Store brasileira tem muito o que evoluir, e não é uma panacéia contra a pirataria – pois no Brasil, ao contrário do que acontece nos EUA, não há uma perseguição sistemática a quem baixa música ilegalmente. Mas é um passo histórico na direção certa.

Update: a AppleTV também começou a ser comercializada hoje no Brasil. R$ 400.


Chefões do Google têm oito aviões particulares – 2,6 jatos para cada um

12 de dezembro de 2011


Larry Page e Sergey Brin, fundadores do Google, e o chairman da empresa, Eric Schmidt, devem gostar muito de voar. Só isso explica que os três, juntos, possuam uma frota com nada menos do que oito jatos particulares - o que dá a bagatela de 2,6 avião à disposição de cada um deles. A coleção inclui jatinhos Gulfstream e também aviões grandes, como Boeing 757 e 767. Talvez para evitar um mal-estar com os acionistas, os aviões não são propriedade direta do Google – pertencem a uma empresa chamada H211, da qual o Google aluga as aeronaves (e na qual também está investindo US$ 33 milhões). Ser bilionário deve ser ótimo ;-)


Bill Gates pode voltar ao comando da Microsoft, diz revista

9 de dezembro de 2011


O ex-homem mais rico do mundo, que em 2008 se aposentou para cuidar de projetos filantrópicos, pode estar preparando seu retorno. É o que afirma uma reportagem da revista Fortune, que cita como fonte o CEO de outra empresa. Pode ser que sim, pode ser que não. Mas seria uma boa: Gates pode ter cometido erros ao longo dos anos, mas tem um saldo de gols maior e é um líder mais carismático do que Steve Ballmer. E a Microsoft está num momento crítico. Os desktops, e portanto o Windows, têm perdido relevância para serviços online, tablets e smartphones – mercados nos quais a empresa patina. Se alguém consegue fazê-la reagir e se adaptar ao mundo pós-PC, talvez seja Gates. Volta, Bill.


EUA vão arquivar todas as mensagens publicadas no Twitter (inclusive as suas)

8 de dezembro de 2011

wikimedia commonsVocê já tuitou alguma bobagem da qual se arrenpendeu, e depois foi correndo apagar? No que depender dos americanos, isso não será mais possível. A Biblioteca do Congresso dos EUA revelou que tem um acordo com o Twitter para gravar todas as mensagens publicadas no site, e já faz isso desde 2010 (o projeto até foi divulgado na época, sem grande repercussão). Os tuites são copiados para um banco de dados que fica em Washington e poderá ser consultado por “pesquisadores” – a biblioteca não diz exatamente o que isso significa, nem como o acesso será feito. Não é o fim do mundo, mas pode ser meio desconfortável. Se você quiser escapar, basta configurar a sua conta como privada, o que pode ser feito no painel de controle do Twitter (e exigirá que as pessoas peçam a sua autorização antes de segui-lo).


Europa acusa a Apple de formação de cartel

6 de dezembro de 2011

A Comissão Europeia anunciou hoje que irá investigar 5 grandes editoras de livros (Lagardère, Harper Collins, Simon & Schuster, Penguin e Verlagsgruppe) e a Apple, que estão sendo acusadas de “práticas anticompetitivas”  e “violação das leis antitruste” no mercado de e-books. A Comissão não entra em detalhes, mas dá a entender que essas empresas teriam feito acordos para dificultar a atuação de competidores. Até que a investigação seja concluída e as autoridades apresentem (ou não) provas, não dá para saber quem está com a razão. Mas não deixa de ser meio irônico ver a Apple envolvida numa ação antitruste – justamente a acusação que quase matou sua arqui-rival Microsoft na década passada.