Blogs

Primeiro computador feito pela Apple é vendido por US$ 600 mil em leilão

24 de maio de 2013


O Apple I, construído à mão em 1976, foi vendido por US$ 600 mil em um leilão na Alemanha. Apenas 200 unidades do computador foram produzidas, numa linha de montagem improvisada na garagem dos pais de Steve Jobs. Dessas máquinas, 46 existem até hoje – mas só seis, entre elas a que foi vendida, ainda funcionam. O Apple I não tinha gabinete -era só uma placa, com 4 kilobytes de memória e processador de 1 MHz. Ele era vendido por US$ 666,66, valor que alguns consideram uma referência ao Número da Besta - mas que segundo Steve Wozniak, co-fundador da Apple, foi escolhido simplesmente porque “era mais fácil de digitar”.


Novo Xbox é incógnita no quesito jogos – mas traz novidade que pode reinventar a TV

21 de maio de 2013


O console, que vai se chamar Xbox One, tem especificações parecidas  com o PlayStation 4: processador de oito núcleos (8-core) fabricado pela AMD, 8 gigabytes de memória RAM, disco rígido de 500 gigabytes e leitor de Blu-ray. Ele virá de fábrica com uma versão aperfeiçoada do sensor Kinect – que, segundo a Microsoft, consegue até detectar os batimentos cardíacos do jogador (informação que poderá ser usada nos games).

Quanto aos games em si, a Microsoft manteve certo mistério. Apresentou uma quantidade razoável de jogos, sete, com destaque para Fifa 14, UFC,  Forza Motorsport 5 e Call of Duty: Ghosts. Mas tirando este último, do qual foram exibidos alguns segundos de gameplay (o jogo propriamente dito), todo o resto era composto de cutscenes: aqueles filminhos que passam entre uma fase e outra, e não representam o que o game realmente é. Ainda não é possível dizer se, no aspecto gráfico, os jogos do Xbox One estão no mesmo patamar do PS4. Por enquanto, isso é uma incógnita e um ponto de atenção (especialmente porque a memória RAM do Xbox é mais lenta). A resposta virá na feira E3, em junho.

A parte mais intrigante do Xbox One é a integração com a tv. Os decodificadores de tv a cabo poderão ser conectados ao console, que tem uma entrada HDMI. E isso pode literalmente reinventar a experiência de ver televisão. Em vez de navegar pelos canais usando um controle remoto antiquado e um guia de programação ruim, como é hoje, será possível fazer gestos e dar comandos de voz. Se você quiser assistir a Breaking Bad, por exemplo, bastará dizer esse nome e o Xbox mostrará todas as possibilidades: canais que estejam passando a série naquele momento ou os horários em que será exibida e serviços online (Xbox Video, Netflix, Hulu) onde é possível baixá-la ou assistir a ela por streaming. O sistema também poderia sugerir programas, mostrar o que os seus amigos estão vendo ou apontar o que está sendo mais assistido no Facebook naquele momento, por exemplo. Ou fazer qualquer outra coisa por meio de aplicativos que vierem a ser inventados.

Em suma: uma plataforma inteligente, cheia de recursos e capaz de evoluir. É exatamente o que o Google quis, e não conseguiu, fazer com o GoogleTV – e o que a Apple parece estar se preparando para tentar. Até hoje, ninguém conseguiu reinventar a televisão porque isso depende da cooperação das emissoras e operadoras, que costumam rechaçar qualquer proposta do tipo. Do ponto de vista técnico, a solução é banal. Bastaria habilitar o recurso HDMI-CEC, que a grande maioria dos decodificadores já possui. Mas, do ponto de vista político, a coisa é complicadíssima – pois as empresas de tv não querem dividir o poder que têm hoje.

Como o Xbox One certamente venderá milhões de unidades, a Microsoft terá um inédito poder de negociação com as operadoras -e real chance de convencê-las. Veremos.

ps: ainda não foi desta vez, infelizmente, que a tecnologia IllumiRoom chegou ao mercado.


Sony libera vídeo com teaser do PlayStation 4; Microsoft apresenta amanhã novo Xbox

20 de maio de 2013

Na véspera da apresentação do novo Xbox, a Sony resolveu revelar um pouquinho do PlayStation 4 (ela já havia mostrado os games do PS4, mas não o aparelho em si). O vídeo é propositalmente borrado e difícil de decifrar, com closes em partes específicas do PS4, mas começa a dar uma ideia de como ele será. O console da Sony será revelado no dia 10 de junho, durante a feira de games E3.

A apresentação do novo Xbox começa às 14h de amanhã, possivelmente com transmissão ao vivo por streaming (se houver, publicaremos o link aqui no blog).

Update 21/05: O evento será transmitido por streaming, no site Xbox.com.


Bill Gates fala sobre seu último encontro com Steve Jobs

17 de maio de 2013


“Eu passei um tempo com ele quando ele ficou doente (…) Nós conversamos sobre nossas famílias, sobre tudo (…). Ele não estava melancólico. Ele me mostrou o barco que estava construindo, mesmo nós dois sabendo que ele provavelmente não o usaria.” Esses são alguns trechos da entrevista de Bill Gates ao programa americano 60 Minutes, que foi ao ar esta semana. Ao falar de Steve Jobs, Gates fica visivelmente emocionado. A entrevista também toca em outros pontos interessantes, como o mercado de tablets e a perda de poder da Microsoft nos últimos anos. Vale assistir.


Google lança serviço de música por streaming – com mensalidade de 10 dólares

15 de maio de 2013


Acaba de começar o Google I/O, evento anual em que a empresa mostra suas novidades. Até agora, a mais interessante é o Google Play All Access, um serviço de música por streaming que dará acesso a milhões de músicas e poderá ser acessado em dispositivos Android. Ele vai custar US$ 10  mensais, mesmo preço cobrado por seu principal rival, o Spotify. Com o lançamento, o Google sai na frente da Apple, que supostamente está preparando uma versão por streaming do iTunes. Faria sentido. O futuro não é baixar música – é ouvir direto da internet.

O Google não disse em quais países o All Access estará disponível. Mas é provável que, pelo menos no início, ele não funcione por aqui (no Brasil, a loja Google Play já oferece filmes e livros, mas músicas ainda não).