Re:Bit Re:Bit

Por Atualizado em 15/04/2011

As telas de papel eletrônico, como a do Kindle, são muito agradáveis aos olhos – mas são monocromáticas, lentas e de baixa resolução, ou seja, só servem para ler livros. As telas LCD e OLED, por outro lado, não têm nenhuma dessas deficiências; mas tendem a irritar a vista. O que fazer? Juntar ambas as tecnologias num só gadget. Essa é a ideia da Apple, que acaba de patenteá-la (PDF).

O gadget teria duas telas, uma empilhada sobre a outra (veja na figura acima). A tela de papel eletrônico ficaria em cima da tela de LCD – e o iPad ou iPhone acionaria automaticamente a tela mais adequada para cada situação – leitura de livros, navegação na internet, games etc. O mais interessante é que a Apple descobriu uma maneira de fazer o papel eletrônico ficar transparente quando não estiver sendo usado. Está vendo as elipses abaixo?

Cada uma é um pixel. Dentro da elipse, os pontos pretos são pigmento preto – que forma as letras exibidas na tela. E os pontos brancos são pigmento branco (existem para dar contraste e melhorar a leitura). Essa elipse, que na vida real é uma esfera -o desenho está distorcido para facilitar o entendimento- gira para acender e apagar os pixels. Mas você percebeu o que está acontecendo? Usando cargas elétricas, o sistema da Apple também consegue deixar as elipses “de pé” – com as partículas de pigmento encostadas nos cantos, sem obstruir a luz. E voilá: papel eletrônico transparente, adequado ao uso numa tela híbrida. Bem legal. Tomara que essa tecnologia chegue logo ao iPad. (via @gwercman)

Por Atualizado em 13/04/2011

Hoje, o iPad custa R$ 1699. Mas, como você já deve estar sabendo, ele será fabricado no Brasil – o que deve deixá-lo mais barato. Quão mais barato? É praticamente impossível saber com exatidão, pois isso depende de informações confidenciais (detalhes do contrato de fabricação, margem de lucro do varejo etc). Mas dá para fazer algumas contas.

O atual preço do iPad, R$ 1699, inclui os seguintes tributos: 12% de Imposto de Importação, 15% de IPI, 1,65% de PIS e 7,5% de Cofins (há também o ICMS, que varia conforme o Estado e certamente continuará a ser cobrado, então vamos deixá-lo de lado). Se você zerar esses quatro impostos, o que é muito possível -o governo já oferece uma isenção similar, em determinadas circunstâncias, para PCs e laptops-, o preço do iPad cai aproximadamente 36%: R$ 1085. Dê uma arredondada para cima, e tem-se o valor provável no varejo. R$ 1099.

Será? Saberemos com certeza no final do ano, quando os primeiros iPads made in Brazil chegarão às lojas. Mas o valor parece plausível. É baixo o suficiente para que os tablets virem produto de massa? Isso é outra história. (agradecimento: Lopes Cavalheiro Advogados).

Por Atualizado em 12/04/2011

A Amazon está lançando uma versão mais barata do seu leitor de e-books, o Kindle. Nos EUA, ela vai custar US$ 114 – são 25 dólares a menos do que o normal. O Kindle ‘econômico’ é idêntico ao tradicional, exceto por um detalhe: mostra propagandas na tela inicial e no screensaver (no texto dos livros, não). Se o usuário ficar cheio dos anúncios -veja exemplos acima- é só pagar os 25 dólares para a Amazon e eles somem para sempre. Não sei se curto ou não a novidade. Quem sabe se o desconto fosse maior.

Por Atualizado em 11/04/2011


A partir do dia 3 de maio, os usuários do Photoshop (versão CS5 ou a nova CS5.5) vão poder baixar três aplicativos para iPad – que o transfomam numa extensão do desktop, com várias funções legais. Dá para fazer ilustrações no tablet e enviá-las direto para o Photoshop, colocar nele as ferramentas que você mais usa ou misturar tintas numa espécie de paleta digital. Veja aí no vídeo. E os apps serão baratinhos: de US$ 2 a US$ 5. Bacana.

Por Atualizado em 08/04/2011

Smart Cover Knockoff from M.I.C. Gadget on Vimeo.

Quando a Apple mostrou a Smart Cover, aquela capinha para o iPad 2, fiquei pensando quanto tempo levaria até que os piratas chineses aparecessem com uma imitação. Agora, isso aconteceu – o único problema é que ela é péssima. Confira aí no vídeo.

A propósito: você sabia que dá para usar a Smart Cover (original) no iPad 1? Veja como.