GABRILA65162183544miv_Superinteressante Created with Sketch.

Quantas zonas erógenas existem no corpo?

Freud já dizia: o corpo humano é um playground de zonas erógenas

Ninguém bateu o martelo em um número porque sempre tem alguém que fica louco com uma lambida no umbigo ou um beijo no olho. O próprio Freud já dizia, no início do século passado, que o corpo todo tem potencial erótico, apesar de algumas áreas serem predestinadas ao paraíso, como os genitais, os mamilos e os lábios. Mais do que a parte, o que vale é a qualidade do estímulo.

Os principais brinquedos
Cafuné é bom e todo mundo gosta

Lábios

Nos despimos de todas as roupas e de toda a dúvida.

A post shared by Projeto AMOR(A) (@projetoamoramora) on

A boca é uma região bem servida de terminações nervosas. “Tem o mesmo número do encontrado na região genital”, diz o ginecologista e sexólogo Amaury Mendes Júnior, professor do ambulatório de sexologia da Universidade Federal do Rio de Janeiro.

Orelhas

te encontro na palma das minhas mãos

A post shared by Projeto AMOR(A) (@projetoamoramora) on

O lóbulo também é sensível a estímulos. E a respiração faz mexer os pelinhos que ficam na entrada do canal auditivo externo. Essa vibração se propaga, é captada pelas células nervosas da cóclea e transformada em impulsos para o cérebro.

Nuca e pescoço

O carinho aqui tem poder relaxante. Como costuma ser sempre o mesmo (com as mãos), qualquer variação com beijos, mordidas ou lambidas manda para o cérebro a mensagem de que acabou o marasmo.

Mamilos

Para a psicanálise, o prazer de quem faz e recebe carinho aqui remete à infância.

Barriga, virilha e bumbum

manhã na janela.#uncoverme #couple #gayunderwear #love #sunday

A post shared by Projeto AMOR(A) (@projetoamoramora) on

Concentra o poderoso efeito psicológico de que o estímulo está chegando à área VIP: o órgão genital.

Órgãos genitais

Eles ficam hipersensíveis ao menor toque porque estão amplamente irrigados de sangue.

 

Curtiu as fotos? Elas fazem parte do Projeto AMOR(A). O fotógrafo Vitor Barão investiga intimidade, cotidiano, corpo e identidade. Você pode conferir outras imagens e ensaios no Instagram.