Pedras do Brasil

A beleza e a utilidadedos nossos minerais são um dos maiores patrimônios do país.

por Rafael Kenski

Condições perfeitas

As pedras do interior do Paraná, onde foi encontrada essa ágata-olho, surgiram em erupções vulcânicas há 600 milhões de anos, quando a África começou a se separar da América. A forma como a lava esfriou foi ideal para a formação dessas pedras - algumas das nossas ágatas são tidas como as mais bonitas do mundo.

Tirar pedra de leite

A beleza dessa ágata do Rio Grande do Sul começou a se formar em um ambiente incrivelmente hostil. Em meio à lava deixada por erupções vulcânicas, surgiram bolhas líquidas muito quentes, com diversos elementos. Enquanto essa sopa esfriava, substâncias como sílica e oxigênio se cristalizaram e formaram as partes transparentes. As camadas coloridas ficaram por conta de outros elementos presentes na mistura.

O início do aço

Em meio às cores das pedras abaixo, de Ouro Preto, Minas Gerais, está um dos metais mais famosos do mundo. Essa é uma hematita, o principal minério de ferro do planeta. “O que dá o brilho de arco-íris ao minério são as impurezas presentes na rocha”, diz Paulo Roberto de Albuquerque, geólogo do Museu de Geociências da Universidade de São Paulo, onde estão expostas todas as pedras que aparecem nestas páginas.

Tudo se transforma

Algumas pedras nascem duas vezes. Rochas que voltam a ser submetidas a temperatura e pressão muito elevadas acabam sofrendo modificações em sua estrutura e até se misturam a outros elementos que estão em volta. Essa cianita, de Minas Gerais (e vista aqui sobre um cristal de quartzo), é um desses minerais, chamados de metamórficos.

Várias faces

As mesmas substâncias podem dar origem a pedras muito diferentes. Essa pedra, assim como a que aparece acima, é uma cianita. Existem ainda dois outros minerais – a cilimanita e a andaluzita – com uma composição química idêntica. A diferença entre todas elas está apenas na forma como os átomos se organizam.

Estilo multicolorido

As turmalinas podem ter todo tipo de cor. Elas são compostas por mais de uma dezena de elementos, cada um com a capacidade de mudar o visual da pedra. Apesar de serem encontradas em diversos países, dificilmente uma rocha dessas começaria a se formar atualmente. “A composição do magma mudou muito nos últimos milhões de anos e a lava que vemos hoje tem um número de substâncias bem menor”, diz Paulo Roberto.

A cor da gema

Não é preciso muito para dar esse tom amarelo a uma pedra. Na verdade, basta um elemento, e dos mais banais: o enxofre. Ele é encontrado em todos os continentes, em terrenos de todas as idades e pode ser feito até em processos industriais. O difícil é encontrá-lo em pedras tão perfeitas como essa.

Minério milionário

O Brasil é o maior produtor mundial de turmalinas (como essa à direita, de Minas Gerais) e algumas variações muito valiosas dessa pedra só podem ser achadas por aqui. Também somos um dos maiores produtores mundiais de quartzo (abaixo). Depois de processados, eles se tornam a matéria-prima dos processadores de telefones celulares, computadores e brinquedos eletrônicos.

 

publicidade

anuncie

Super 331 - Medo Nunca as pessoas sofreram tanto com medos, fobias  e ansiedade. O motivo: estamos sendo manipulados. Saiba como escapar e viver em paz. Assine a Super Compre a Super

Superinteressante ed. 331
abril/2014

Medo
Nunca as pessoas sofreram tanto com medos, fobias e ansiedade. O motivo: estamos sendo manipulados. Saiba como escapar e viver em paz.

- sumário da edição 331
- folheie a Superinteressante

Você está na área: Ecologia

publicidade

anuncie