GABRILA65162183544miv_Superinteressante Created with Sketch.

7 dicas para manter suas plantas vivas

Plantas avisam quando algo não vai bem. Saiba interpretar os sinais que elas dão e como agir para salvá-las – às vezes, de você mesmo

(Estúdio Pingado/Superinteressante)

1. Manchas escuras

Indicam fungos, geralmente causados por umidade excessiva. Caracóis, lesmas e insetos devem ser combatidos, pois transmitem esporos de fungos. Para curar a planta, só com antifúngicos, vendidos em lojas de jardinagem.

2. Galho saliente

Um ramo vigoroso, que rouba os recursos energéticos.A simples retirada faz a planta florescer e frutificar.

3. Rasgos e fissuras

Se o jardim é sujeito a ventanias, não cultive espécies com folhas largas, que ressecam e rasgam.

4. Desbotamento e caule fino

Falta de luz deixa as folhas com manchas amareladas e pintas marrons. Por outro lado, se as folhas estiverem enroladas, é porque há excesso de sol e a planta precisa ficar em um local mais sombreado.

5. Raiz escura e cheiro forte

Excesso de água apodrece as raízes. Na dúvida, cheire a base da planta. Se exalar odor forte, passe a regar menos e a não deixar a terra úmida demais.

6. Pelos e espinhos

Em tempo seco, plantas desidratadas criam pelos para captar umidade do ar e espinhos para se proteger de predadores sedentos.

7. Rugas

Sinal de seiva obstruída nos veios, o que reduz a captação de luz pela planta. Ácaros, pulgões e cochonilhas também sugam a seiva. Pulgões podem ser expulsos por joaninhas. Outra estratégia é pulverizar extratos naturais, como calda de fumo.

Fontes: Ricardo Domingues, pesquisador do Instituto Biológico (SP), e Erika Karpuk, arquiteta especializada em conscientização ambiental.