GABRILA65162183544miv_Superinteressante Created with Sketch.

Bill Gates diz que a Europa deve barrar refugiados

Em declaração surpreendente, homem mais rico do mundo afirma que a solução é dificultar a chegada de africanos

“Por um lado, você quer demonstrar generosidade e aceitar os refugiados, mas quanto mais generoso você é, mais essa informação se espalha – o que, por sua vez, motiva mais pessoas a saírem da África”, disse o homem mais rico do mundo em entrevista a um jornal alemão. Para Bill Gates, a Alemanha não tem condições de “receber o enorme, gigantesco número de pessoas que estão tentando ir para a Europa”. Na visão dele, a solução é tornar “mais difícil que os africanos cheguem ao continente [europeu] pelas rotas atuais”.

Em 2015, a União Europeia estabeleceu cotas de refugiados, determinando a quantidade de pessoas que cada país deveria acolher. Nem todos os países têm cumprido essas cotas – e alguns, como Hungria e Eslováquia, se recusam abertamente a obedecê-las. A Europa vive a maior crise migratória desde a Segunda Guerra Mundial, e o governo alemão estima que haja 6,6 milhões de pessoas tentando emigrar para a Europa – 38% delas vindas da África.

Gates também disse que os países europeus deveriam aumentar os investimentos em ajuda humanitária para o continente africano – seguindo o exemplo da Fundação Gates e da Alemanha, que investe o equivalente a 0,7% de seu PIB em projetos do tipo.