Cinema

Robô com cérebro e coração

Entre os escritores de ficção cientifíca, foi Isaac Asimov (1920-1992) quem mais entendeu os robôs. Ele é considerado o pai da robótica por ter criado leis que até hoje são levadas a sério. Agora, um dos seus melhores contos sobre as criaturas de lata, O Homem Bicentenário, virou filme. Na história, na primeira década de 2000, uma família de San Francisco, nos Estados Unidos, compra um robô (interpretado por Robin Williams) para fazer tarefas domésticas. Batizado de Andrew, ele se diferencia dos demais porque pensa e sente. Andrew atravessa dois séculos e várias gerações da mesma família. Quanto mais contato ele tem com gente, mais parecido com os humanos fica, com conflitos e dilemas. n

O que você tem que saber

• Homem Bicentenário

• A roupa do ator pesa 16 quilos

• Columbia: 11 5503 9900

• www.bicentennialman.com

Leis das máquinas

O escritor Isaac Asimov formulou as seguintes leis, em 1941:

1 - Robôs não devem machucar seres humanos.

2 - Robôs devem obedecer às ordens dos seres humanos.

3 - Robôs devem proteger sua própria existência, contanto que isso não contrarie as leis anteriores.

publicidade

anuncie

Super 340-b - Universo - o cosmos segundo a SUPER As melhores reportagens dos 27 anos da SUPER sobre o espaço, o tempo e os limites da ciência - agora revistas e atualizadas. Uma viagem do infinito ao infinitesimal. Como você nunca viu. Assine a Super Compre a Super

Superinteressante ed. 340-b
novembro/2014

Universo - o cosmos segundo a SUPER
As melhores reportagens dos 27 anos da SUPER sobre o espaço, o tempo e os limites da ciência - agora revistas e atualizadas. Uma viagem do infinito ao infinitesimal. Como você nunca viu.

- sumário da edição 340-b
- folheie a Superinteressante

Você está na área: Tecnologia

publicidade

anuncie