GABRILA65162183544miv_Superinteressante Created with Sketch.

Os bichos da vida real de ‘Animais Fantásticos e Onde Habitam’

Conheça os seres do mundo trouxa que têm as mesmas aparências - e os mesmos poderes - do universo Harry Potter

Detectores de ouro, defesas explosivas, bafo infeccioso… Não é preciso pedir sua carta para Hogwarts (ou Ilvermorny): animais fantásticos já habitam nosso mundinho trouxa. Alguns dos bichos mais incríveis do novo filme do universo Harry Potter têm muito em comum com alguns animais do mundo real, seja na aparência, seja nas habilidades. Conheça alguns deles:

1. Pelúcios

Parecem: Equidna

Os pelúcios parecem uma mistura entre um ornitorrinco e uma toupeira – mas existe um animal na vida real que é mais parecido ainda com ele. É a equidna, um bicho que só existe na Austrália e na Nova Guiné. Como os pelúcios, eles tem “bolsos” internos, mas, ao contrário dos animais fantásticos, não guardam objetos brilhantes neles.

Têm os mesmos poderes que: Cupins

Se você, como Ron Weasley, queria um pelúcio para ser muito rico, está olhando para o animal errado. No mundo real, um dos bichos que pode te ajudar a encontrar ouro é o cupim. As espécies de cupim que cavam para construir seus ninhos acabam selecionando metais preciosos do solo para levar para casa. Por causa disso, eles acabam sendo um indicativo muito barato de que uma região possa ter ouro escondido no subterrâneo.

 

2. Tronquilho

Parecem: Bicho-pau

Ao contrário de imitar um galho, o tronquilho é verdinho e parece um ramo recém-cortado. Mas não se engane – esses guardiões de árvores mágicas são muito mais agressivos do que parecem quando se sentem ameaçados.

Têm os mesmos poderes que: Vespa-mandarina

É exatamente por isso que o equivalente real ao tronquilho é a Vespa-mandarina, um dos insetos mais assustadores do mundo. O tronquilho ataca usando suas extremidades afiadas e mirando seu adversário nos olhos. A vespa também curte mirar seus ataques nos olhos do oponente, além de produzir feromônios que chamam outras vespas da mesma espécie. O veneno da sua picada matou 40 pessoas na China em 2013.

 

3. Erumpente

Parecem: Rinocerontes

As semelhanças entre o erumpente com um rinoceronte são tão claras que não precisamos nem comentar.

Têm os mesmos poderes que: Formiga carpinteira

Enquanto o erumpente é capaz de explodir tudo aquilo que ele perfura com seu chifre, a maioria dos animais acaba afundando com o próprio barco. Algumas espécies de formiga, como a carpinteira, são capazes de explodir espontaneamente para proteger o seu ninho.

 

4. Seminviso

Parecem: Macaco Japonês

Pelos brancos, baixa altura, traços de primata. O Seminviso poderia muito bem se passar por um macaco japonês – um bicho pequeno, mas extremamente resistente, que habita o Japão. A combinação é praticamente a mesma nos dois animais.

Têm os mesmos poderes que: Camaleões

Uma das maiores características do Seminviso é a invisibilidade. Igual a quem? Isso mesmo, o camaleão, que tem a capacidade de se camuflar com o fundo para se proteger. Mas, infelizmente, não há nenhum tipo de dado sobre camaleões prevendo o futuro, como o macaco mágico faz.

Camaleão Pantera

(fotoclick | iStock.com)

5. Occami

Parecem: Anaconda e Arara Azul

A Occami é uma mistura de um pássaro bem colorido, como uma arara azul, com uma grande cobre – como a Anaconda, que também não tem dentes incisivos.

Têm os mesmos poderes que: Baiacu e Tardígrado

O poder característico da occami é a capacidade de se esticar e encolher o quanto ela precisar para caber em algum lugar – ou para intimidar seus adversários. No mundo trouxa (ou não-mágico, se você preferir), quem faz isso muito bem é o baiacu: aquele peixe que é pequeno, mas que, quando ameaçado, infla e deixa à mostra seus espinhos extremamente venenosos. Além disso, a occami coloca ovos bem resistentes, feitos de prata – um talento que elas compartilham com o tardígrado, um serzinho microscópico conhecido por ser o mais resistente do mundo. Seus ovos são tão fortes que podem sobreviver a temperaturas extremas, à forte pressão e até à radiação.

 

6. Rapinomônio

Parecem: Lagarto e Borboleta

Quase um Pokemón do mundo bruxo, o rapinomônio parece uma bolinha que Newt Scamander carrega por aí. Na sua forma natural, ele é um réptil como o lagarto-voador, mas com asas funcionais e lindas, que lembram as de borboletas.

Têm os mesmos poderes que: Ccanguru-arborícola

O rapinomônio também tem o hábito gourmet de se alimentar de cérebros. Seu veneno, aliás, é usado para fazer “tratamentos” de remoção de memórias. No mundo real, outro lindo animalzinho que gosta de massa cinzenta é o canguru-arborícola, marsupial que vive em árvores australianas. Na maior parte do tempo, eles são herbívoros, mas apreciam cérebros de carcaças de aves que apareçam no seu caminho. Também são seletivos: não comem nenhuma outra parte do bicho além dos miolos.

 

7. Gira-gira

Parecem: Besouro

O gira-gira é o que resultaria se um besouro daqueles quase metálicos se apaixonasse por um peão.

Têm os mesmos poderes que: Rã da Amazônia

Não tentem isso em casa, crianças, mas o Gira-Gira é famoso por uma habilidade só: sua picada faz você flutuar, literalmente (e se rolar uma reação alérgica, essa flutuação pode durar a vida toda). Claro que no mundo dos trouxas não temos uma picada parecida, mas dá para chegar bem perto com os alucinógenos produzidos por várias rãs – em especial a Phyllomedusa bicolor, cuja secreção da pele é usada como alucinógeno na região. De novo: não tentem isso em casa, criançada – se usada em doses altas, a secreção pode até matar.

 

8. Nundu

Parecem: Leopardo e lagarto

Em Criaturas Mágicas, o nundu é descrito como um “leopardo gigante e silencioso apesar de seu tamanho”. E essa criatura realmente lembra um leopardo enorme, mas com uma característica a mais: uma espécie de “gola” que faz ele ficar parecido também com um lagarto-de-gola

Têm os mesmos poderes que: Dragão de Komodo

Além do andar silencioso, o nundu tem uma habilidade, no mínimo, nojenta: seu bafo é tão poderoso que poderia dizimar vilas inteiras, segundo o Animais Fantásticos. Embora não exista no mundo animal um bicho com um bafão terrível como esse, nós, trouxas, temos algo bem parecido: a saliva do dragão de Komodo, que tem uma combinação mortífera de 57 bactérias mortais e um veneno poderoso. Quem é mordido acaba tendo o sangue coagulado no local em poucos minutos, sofre uma dor terrível e, se não tiver cuidados, pode morrer em menos de uma semana. É, pensando bem, talvez o nundu seja mais tranquilo…

 

9. Pássaro-trovão

Parecem: Aves de rapina

É igualzinho a um enorme pássaro de rapina, como uma águia ou um falcão. o detalhe é que o Pássaro-trovão tem múltiplas asas, diferente de… Bom, de qualquer outro pássaro que a gente conhece: aqui no mundinho trouxa, só mesmo os insetos, como vespas e abelhas, é que têm mais de um par de asas.

Têm os mesmos poderes que: Borboletas?

O Pássaro-trovão tem esse nome porque é capaz de criar tempestades só batendo suas asas. Infelizmente (ou felizmente?), no universo trouxa não existe um animal que tenha esse poder. A não ser que você considere a lei do efeito borboleta – aquele que diz que o farfalhar de asas de uma borboleta pode acabar causando uma tempestade.

Comentários
Deixe uma resposta

Olá, ( log out )

* A Abril não detém qualquer responsabilidade sobre os comentários postados abaixo, sendo certo que tais comentários não representam a opinião da Abril. Referidos comentários são de integral e exclusiva responsabilidade dos usuários que escreveram os respectivos comentários.

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s