Clique e Assine a partir de R$ 6,90/mês
Fundo vermelho liso. Ciência Maluca Por redação Super Este blog não é mais atualizado. Mas fique à vontade para ler o conteúdo.

Desempenho dos alunos é melhor se o professor tem tatuagem

Por Thiago Perin Atualizado em 21 dez 2016, 10h09 - Publicado em 8 set 2010, 14h02

"Abram os livros na página 47"

“Abram os livros na página 47″

Professor com tatuagem?! É fácil imaginar que a simples ideia choque os papais e as mamães mais tradicionais por aí. Mas o preconceito típico das gerações antigas parece estar indo pelo ralo. O psicólogo David B. Wiseman, da Universidade Comunitária de Brookdale, em Nova Jérsei (EUA), mostrou a 128 estudantes universitários fotos de supostas professoras – algumas tatuadas, outras não. As moças foram avaliadas pelos jovens em nove aspectos, todos relacionados à sua (aparente) capacidade profissional. E as tatuadas deixaram uma impressão bem melhor: “a análise indicou que a presença de tatuagens está associada a mudanças positivas”, diz o estudo – entre elas, o aumento da motivação dos estudantes, na criatividade deles na hora de mostrar serviço e na disposição a recomendar o trabalho das moças.

Leia também:
Alunos aprendem melhor quando andam pela sala de aula
Chuva faz a gente trabalhar mais

Feriado faz com que crianças tenham notas mais altas

Continua após a publicidade

Publicidade