Clique e assine a partir de 8,90/mês
Ciência Maluca Por Blog As pesquisas mais importantes para você compreender a sua vida - e as mais inusitadas para você entender todo o resto. Por Tiago Jokura

Dói mais tirar o curativo devagar ou arrancar de uma vez?

Por Thiago Perin - Atualizado em 21 dez 2016, 10h00 - Publicado em 20 jul 2011, 13h42

Respondeu “devagar”? Acertou. Arrancar o curativo de uma vez só causa menos dor do que ir puxando devagarinho, dizem pesquisadores australianos, com a devida propriedade: eles recrutaram estudantes de boa vontade como cobaias, grudaram esparadrapos em seus braços e… Puxaram, de ambas as formas. Depois, os voluntários tiveram que avaliar a dor causada por cada método em uma escala de 0 a 10 – sendo 10 a “maior dor imaginável”.

A remoção rápida levou uma pontuação média de 0,92, enquanto a remoção covarde lenta foi significativamente mais dolorosa, com incômodo nível 1,58.

O estudo completo está aqui.

Leia também:
Placebo vicia (e outros efeitos curiosos)
Falar vários idiomas pode deixar você com várias personalidades
O que o comprimento dos dedos diz sobre o homem

Continua após a publicidade
Publicidade