Clique e Assine a partir de R$ 6,90/mês
Fundo vermelho liso. Ciência Maluca Por redação Super Este blog não é mais atualizado. Mas fique à vontade para ler o conteúdo.

Morar junto, sem casar, causa depressão

Por Thiago Perin Atualizado em 21 dez 2016, 10h00 - Publicado em 6 jan 2011, 12h32

Vocês querem ser modernos e práticos, deixam todo aquele papo de altar, convites com frufru e bolo de vários andares pra lá, juntam as trouxinhas e vão morar juntos. Pronto: na prática, estão casados. Mas, também na prática, têm chances bem maiores de acabarem de cara feia e sem vontade de sair da cama (pelos motivos errados) do que os casais de papel passado. “Casais que apenas moram juntos reportam níveis mais altos de depressão do que os que são casados”, alertam pesquisadores da Bowling Green State University, em Ohio (EUA). O motivo? Aquele sentimento de falta de estabilidade no relacionamento, que atinge os “juntados” 25% mais do que os casados pela lei. “E isso é especialmente verdade entre os casais que estão juntos há muito tempo”, diz o estudo. E aí, quer repensar essa modernidade toda?

Leia também:
Mulheres são menos ’seletivas’ do que homens na hora de casar
Casais sentem o cheiro das emoções um do outro
Após um divórcio, homens ficam mais suicidas do que mulheres

Publicidade