Clique e Assine a partir de R$ 6,90/mês
Fundo vermelho liso. Ciência Maluca Por redação Super Este blog não é mais atualizado. Mas fique à vontade para ler o conteúdo.

Ser hostil com chefes chatos faz bem

Por Carol Castro Atualizado em 13 dez 2017, 18h43 - Publicado em 16 fev 2016, 15h10

CHEFES_CHATOS_SITE1

Quando seu chefe despejar grosseria e mau humor, devolva na mesma moeda. Nada de engolir sapo e levar desaforo para casa, caro leitor. Isso não vai te levar a lugar nenhum. Ou vai: a uma vida infeliz e ao fracasso profissional.

Foi o que demonstrou uma pesquisa com mais de 500 pessoas. Todas elas avaliaram seus chefes como grossos ou não. Quem era mal tratado e não fazia nada odiava o trabalho e se estressava. Com os vingativos acontecia o contrário. Como devolviam a hostilidade, não se viam como vítimas. E ainda recebiam mais promoções por serem admirados pelos chefes.

“Há uma norma de reciprocidade em nossa sociedade. Nós temos respeito por quem bate de volta, quem não apenas senta e aceita o abuso. Ter o respeito dos colegas de trabalho pode ajudar os funcionários a se sentirem mais comprometidos com a empresa e mais felizes com o trabalho”, explica Bennett Tepper, um dos autores da pesquisa.

Bem, mas a verdade é que nem todo chefe vai aceitar uma resposta ríspida. Se seu chefe achar que o melhor caminho é a grosseria – sempre e sempre – melhor mesmo é partir para outro emprego.

Créditos da ilustração: Caio Gomez

Continua após a publicidade

Publicidade