Clique e assine com até 75% de desconto
Combo Por Combo Notícias e curiosidades do mundo dos videogames

Por que não dá pra fazer carinho em cachorros de “Breath of the Wild”

Por Lucas Massao Atualizado em 4 jul 2018, 20h33 - Publicado em 13 dez 2017, 15h37

O mundo do novo jogo da franquia Zelda é repleto de liberdade, sendo possível chegar a lugares distantes e conseguir itens poderosos a qualquer momento. Mesmo tendo reinventado muitas das mecânicas consagradas pela saga, a falta de um elemento tem sido citada constantemente pelos fãs e pela crítica: não é possível fazer carinho nos cachorros que habitam o game.

O diretor do jogo, Hidemaro Fujiyoshi, explica o motivo. “No jogo, parece que você pode fazer tudo, mas o que acontece é que vários sistemas se entrelaçam e você tem um número limitado de ações que conseguem fazer uma tonelada de coisas diferentes.”

“Então, se fosse para fazer algo como tocar em um cachorro, nós precisaríamos criar uma ação customizada que não poderia ser usada para mais nada.” Fujiyoshi ainda disse que, mesmo sendo uma ação fofa, fazer carinho em um cão não se encaixa na filosofia de design implementada no título. “Não se encaixava com o que nós fizemos no mundo do jogo. É mais sobre pegar um número menor de ações e usá-las no maior número de modos possíveis.”

Publicidade