GABRILA65162183544miv_Superinteressante Created with Sketch.

Blog

Cultura

Retrospectiva 2013: 10 melhores HQs do ano

Por Emiliano Urbim, editor da SUPER

melhores-2013-topo-materia

A lista que segue é uma seleção fruto de crenças pessoais e transferíveis, e as transfiro: ideias imperfeitas são melhores do que a ausência delas; o pior [xxxxx] brasileiro nos diz mais que o melhor [xxxxx] estrangeiro; se um amigo publica algo bom, o troço continua bom (e se for ruim, o cara continua amigo); super-heróis são um saco e um barato.

 

1. Melhor desconstrução de mito

NÊMESIS
Mark Millar (roteiro) e Steve McNiven (desenho)
Panini, 112 páginas, R$ 21,90

E se o Batman fosse o Curinga? Essa pergunta define Nêmesis, corpo de herói e alma de vilão. Para ler como se fosse um filme de Tarantino, hiperviolento e hiperirônico.

Capa-Nemesis-300x451

 

2. Melhor reconstrução de mito

TURMA DA MÔNICA – LAÇOS
Vitor e Lu Cafaggi (roteiro e desenhos).
Panini, 80 páginas, R$ 19,90 (brochura) e R$ 29,90 (capa dura)

Trocando linha de montagem por trabalho autoral, a série Graphic MSP resgatou o frescor dos personagens de Maurício de Sousa. Os volumes de Chico Bento, do Astronauta e do Piteco são ótimos. Mas a obra dos irmãos Cafaggi, por envolver a icônica Mônica e sua turma (e ainda incluir referências a clássicos da infância como Os Goonies e Conta Comigo), é especial.

tdm-lacos

 

3. Melhor história em quadrinhos de História

O BOXEADOR
Reinhard Kleist (roteiro e desenhos)
8Inverso, 200 páginas, R$ 51

A incrível vida do judeu polonês Hertzko Haft (1925-2007), boxeador de Auschwitz e, justamente por isso, sobrevivente do campo daquele campo de extermínio. Mais um caso em que biografia e HQ casam muito bem.

o-boxeador

 

4. Melhor tirinha que explica o mundo

O PINTINHO
Alexandra Moraes
Lote 42, 96 páginas, R$ 29,90

Com traço meticulosamente desajeitado, o Pintinho é sucesso na rede faz um tempo. Alexandra explora o abismo geracional de um pintinho mimado e uma galinha que já viu de tudo.

pintinho

 

 5. Melhor narrativa em preto, branco e verde

CAMPO EM BRANCO
Emilio Fraia (roteiro) e DW Ribatski (desenho)
Quadrinhos na Cia., 172 páginas, R$ 55

Dois irmãos se reencontram para refazer uma viagem da infância. A narrativa, sintética nas palavras e nas cores, mistura passado e presente, suspense – o clima é tão importante quanto o enredo.

campo

6. Melhor antecessor de Harry Potter

LIVROS DA MAGIA – EDIÇÃO DEFINITIVA
Neil Gaiman (roteiro) e John Bolton, Scott Hampton, Charles Vess e Paul Johnson (desenhos)
Panini, 208 páginas, R$ 25,90

Adolescente, órfão, de óculos, destinado a ser o maior mago do mundo. Mas o importante não é que Timothy Hunter, do criador de Sandman, antecedeu Harry Potter em sete anos. É que segue excelente.

livros-magia

 

7. Melhor adaptação literária cuja origem tanto faz

POBRE MARINHEIRO
Sammy Harkham (roteiro e desenhos)
Balão Editorial, 128 páginas, R$ 26

A viagem de um rapaz rumo ao desconhecido é baseada num conto de Guy de Maupassant (1850-1893). Mas não se prende à origem: com um quadro por página, com texto e traço mínimos, é grande arte sequencial.

marinheiro

 

8. Melhor neo-realismo mágico

O AZUL INDIFERENTE DO CÉU
Shiko (roteiro e desenhos)
Marca de Fantasia, 80 páginas, R$ 22

Com linguagem cinematográfica, Shiko (autor da história de Piteco da Graphic MSP) mostra os últimos momentos de um ativista colombiano assassinado em 1987.

indifere

 

9. Melhor vida como ela é

AS COISAS QUE CECÍLIA FEZ
Liber Paz (roteiro e desenhos)
[sem editora], 60 páginas, R$ 20

Temática bem cotidiana, ainda rara por aqui. Cecília, mãe, esposa e, até onde consta, feliz, reencontra uma pessoa de seus passado e nada nunca mais será como antes. O tom lembra o clássico (dos quadrinhos) Estranhos no Paraíso – e isto é um baita elogio.

cecilia-fez

 

 10. Melhor surpresa

HAWKEYE
Matt Fraction (roteiro) e David Aja (desenhos)
Marvel (importado ou para iPad), preço e tamanho dependem da edição

É um título mensal, gringo e que estreou em 2012, mas abrimos exceção porque merece muito. Sério: podia ser só um gibizinho caça-níquel para ressuscitar o personagem Gavião-Arqueiro junto com o filme dos Vingadores, mas é a melhor HQ da Marvel em anos. A narrativa esperta de Fraction e o visual minimalista de Aja (veja a coleção de capas) deixam a coisa em outro nível.

rocai

 

Menção honrosa

A GATA
Laerte (roteiro e desenhos)

gata

No ano em que Laerte chamou mais atenção pelo banheiro público em que prefere ir, vale lembrar que seu trabalho segue excelente.  Na série de tiras “A Gata” (disponível em seu blog), Larte consegue dizer muito a cada cinco painéis – e mais ainda quando se lê o conjunto.

 

Veja todos os textos da Retrospectiva 2013 da SUPER

Comentários
Deixe um comentário

Olá, ( log out )

* A Abril não detém qualquer responsabilidade sobre os comentários postados abaixo, sendo certo que tais comentários não representam a opinião da Abril. Referidos comentários são de integral e exclusiva responsabilidade dos usuários que escreveram os respectivos comentários.

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s