Clique e Assine a partir de R$ 8,90/mês

10 projetos inspiradores que você deve acompanhar em 2015

Por Fred Di Giacomo Atualizado em 21 dez 2016, 08h49 - Publicado em 8 jan 2015, 19h08

10-pessoas-inspiradoras-2

Quais foram as pessoas e projetos que te inspiraram em 2014? No Glück Project – projeto que criei na Alemanha para investigar a felicidade – fizemos uma retrospectiva para pensar ideias com as quais aprendemos e que nos fizeram querer realizar coisas maiores. Abaixo, eu listo essas pessoas incríveis e seus projetos inovadores.

Quem sabe elas não te inspiram a fazer coisas tão legais que apareçam na nossa listinha do ano que vem?

Juliana de Faria e Think Olgaum think tank que pariu a campanha Chega de Fiu-Fiu (contra o assédio sexual nas ruas), o projeto 100 vezes Cláudia (homenagem à mãe de família assassinada pela polícia em uma favela no Rio) e o Entreviste uma mulher, entre outros.

Professor Luiz Henrique Rosa, que conseguiu transformar um quintal abandonado de escola pública numa mistura de instalação e sala de aula, onde as crianças aprendem de maneira multidisciplinar e de forma divertida

360 Meridianos, três jovens que criaram um site de viagens, abandonaram os empregos tradicionais e se tornaram nômades digitais.

Malala, a paquistanesa que ganhou o Prêmio Nobel da Paz aos 16 anos por lutar pelo direito das mulheres de assistirem aulas numa região dominada pelo Talibã

Continua após a publicidade

Alessandra Orofino, criadora da rede Meu Rio, que busca fazer as pessoas participarem diretamente da política e revolucionar as cidades onde vivem. Ela já conta com 160 mil participantes.

Eduardo Lacerda, que com R$5.000 criou a premiada Editora Patuá em um quarto de sua casa e tem investido no lançamento de  jovens autores de ficação sem cobrar pela publicação.

Põe na Roda, o canal de vídeos do Youtube que usa humor para garantir milhares de visualizações aos seus vídeos que debatem as causas do movimento gay.

É Nóis, o projeto de Nina Weingrill e Amanda Rahra que começaram dando aulas de jornalismo para crianças carentes no Capão Redondo e hoje tocam uma agência de conteúdo jovem com a participação desses jovens, uma plataforma de ensino à distância e  – de quebra – melhoraram as notas na escola desses estudantes. 

Brain Pickings, o excelente trabalho da búlgara Maria Popova que mudou para os Estados Unidos, criou um site sobre “criatividade, literatura e arte” e hoje vive do seu projeto.

Agência Públicaum projeto independente e sem fins lucrativos que tem procurado renovar os temas e formas de fazer jornalismo

Quer saber mais sobre esses 10 projetos inspiradores? Leia o texto completo do Glück!

Continua após a publicidade
Publicidade