GABRILA65162183544miv_Superinteressante Created with Sketch.

As bombas têm mesmo um fio vermelho capaz de desativá-las?

É mito. “Se tiver um fio roxo, usa-se o roxo”, diz Willy Hauffe Neto, especialista em explosivos da Polícia Federal.

Bombas de fabricação ilegal – chamadas tecnicamente de improvised explosive devices (IED) – não têm manual de instruções nem peças ou circuitos padronizados. Cada caso é um caso. 

O que leva à pergunta: como os especialistas sabem qual fio cortar? Bem, em geral, eles não precisam saber. “O corte de fios não é um padrão na desativação de um artefato explosivo”, diz Willy.

As duas saídas mais comuns são: 1. detonar o explosivo com outro explosivo, de maneira controlada; 2. usar um jato d’água sob altíssima pressão para desmontar a bomba sem ativá-la. 

A segunda solução é a favorita, pois permite que a perícia analise posteriormente os pedaços da bomba em busca de digitais e outros indícios que ajudem a investigação. 

 

Comentários
Deixe um comentário

Olá,

* A Abril não detém qualquer responsabilidade sobre os comentários postados abaixo, sendo certo que tais comentários não representam a opinião da Abril. Referidos comentários são de integral e exclusiva responsabilidade dos usuários que escreveram os respectivos comentários.

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s