Clique e assine a partir de 8,90/mês
Oráculo Por Blog Pode perguntar que a redação da SUPER responde: oraculo@abril.com.br

Como uma pessoa dada como morta pode provar que está viva?

Por Oráculo - Atualizado em 9 ago 2018, 13h39 - Publicado em 24 jul 2018, 15h30

Quando alguém morre, um médico emite o atestado de óbito. De posse do atestado, a família obtém a certidão de óbito. É com esse documento que se resolve qualquer burocracia post mortem.

Em caso de morte presumida, em que um desaparecido é dado como morto, só a certidão é expedida, porque não há corpo.

Em tese, isso pode dar problema: se o sumido aparecer depois de tudo sacramentado em cartório, ele precisa entrar com uma ação judicial para cancelar o óbito, comprovando que está vivo por meio de provas como fotos e impressões digitais.

Se o pedido for aceito, o juiz cancela o registro do óbito, e o ressurreto cidadão retoma seus direitos e deveres civis.

Fontes: CNJ, Código Civil, Antônio Carlos Antunes do Nascimento e Silva, juiz da Vara de Registros Públicos de Porto Alegre; Poder Judiciário do Estado do Rio de Janeiro e​​ Márcio Evangelista, juiz auxiliar da CNJ

Continua após a publicidade
Publicidade