Clique e Assine a partir de R$ 7,90/mês

Os 6 posts da SUPER mais lidos da semana

Por Tânia Vinhas Atualizado em 21 dez 2016, 10h36 - Publicado em 7 out 2011, 18h33

Ainda que o grande assunto da semana tenha sido a morte de Steve Jobs, os 6 posts que mais bombaram por aqui mesclam mau humor, cachaça (é sexta-feira, gente!), profissões de gente que pula a cerca e trabalho escravo. Confira a seleção dos textos que mais bombaram aqui na SUPER!

1. Mau humor faz bem para o cérebro – Ciência Maluca

Quem não acorda achando a vida uma droga e as pessoas todas muito chatas de vez em quando, né? Mas se preocupe não — de acordo com pesquisadores australianos, até essa negatividade toda tem seu lado bom: faz a gente raciocionar melhor.

26.877 pessoas clicaram

1.955 retuitaram

22 mil curtiram

 

2. Teste: Você entende tudo de cachaça? – Superinteressante

Pinga, branquinha, água que passarinho não bebe… Esta bebida tipicamente brasileira é cheia de histórias para contar. Teste os seus conhecimentos sobre a marvada!

23.680 cliques

113 retuitaram

66 curtiram

 

3. As 10 profissões que mais traem no Brasil – Superlistas

Uma pesquisa feita com a comunidade brasileira cadastrada no Ohhtel.com, rede social especializada em “casos discretos” (puladas de cerca), revelou quais são as profissões mais adúlteras (ou, pelo menos, as que mais usam a tal rede social para amantes).

17.169 clicaram

336 retuitaram

Continua após a publicidade

2 mil curtiram

 

4. As 6 melhores respostas de Steve Jobs a e-mails de usuários da Apple – Superlistas

Durante os quase 40 anos em que Steve Jobs esteve à frente de uma empresa, ele recebia incontáveis e-mails todo dia. Tinha de tudo: tanto elogios aos seus produtos quanto reclamações e dúvidas. É claro que ele não respondia a todas as mensagens, mas algumas mereciam um pouquinho da atenção do empresário. Aí vão algumas das melhores respostas atribuídas a ele.

13.551 clicaram

368 retuitaram

620 curtiram

 

5. Como Steve Jobs matou os nerds – Superinteressante

O Jobs dos anos 70 inventou a cultura geek. Três décadas depois o fundador da Apple acabaria com ela. Sem dó.

11.950 clicaram

456 retuitaram

1.000 curtiram

 

6. Descubra quantos escravos trabalham para você – Tendências

Um novo site (que é também aplicativo para celular) determina a quantidade de trabalho forçado que você utiliza com base nos alimentos que você come e nos produtos que compra. O SlaveryFootprint consegue identificar o número de escravos que tiveram que trabalhar para você poder consumir observando as regiões onde o trabalho forçado é usado na produção dos bens.

4.830 clicaram

270 retuitaram

1.000 curtiram

Continua após a publicidade
Publicidade