Clique e assine a partir de 5,90/mês
Turma do Fundão Por Blog Grupo de leitores-colaboradores da ME que ajuda a revista sugerindo pautas e alimentando este blog cultural

5 coisas que não devem ser ditas para pessoas com depressão

Por Jéssica Fiorin - Atualizado em 4 jul 2018, 20h34 - Publicado em 28 set 2017, 17h16

Ainda que as pessoas em geral tenham a noção de que a depressão é uma doença (e séria!), existem aqueles que acreditam fielmente de que se trata apenas de uma emoção passageira ou uma “tristeza mais forte”. Sem a intenção de culpar ninguém, pode-se justificar esse pensamento leigo tendo em vista que um dos principais sintomas da depressão é, de fato, a tristeza profunda.

Porém o sintoma vem acompanhado de diversos outros indícios do transtorno. Irregularidades no sono e/ou apetite, irritabilidade, perda de interesse pelas coisas que costumavam ser costumes ou hobbies, sentimento de solidão e até mesmo pensamentos suicidas são exemplos de comportamentos aos quais devemos prestar atenção.

Por isso, tendo em vista que setembro é o mês da prevenção do suicídio e, claro, dando a devida importância ao assunto, segue abaixo uma lista realizada com o intuito de colaborar com pessoas que desejam ajudar minimamente àqueles que têm depressão. Conheça cinco coisas que você não deve dizer para uma pessoa que foi diagnosticada com transtorno depressivo.

1) “Você é muito preguiçoso(a)!”

Pessoas depressivas apresentam comumente lentidão para realizar tarefas simples e/ou falta de interesse em sair com a galera em um fim de semana, por exemplo. Existem casos mais graves da doença em que a indisposição (causada pela falta de energia ou até mesmo pelo estado de humor) vai muito além da força de vontade!

Para pessoas que não lidam com a depressão, pode parecer que se trata apenas de preguiça. Mas, muitas vezes, o depressivo quer realizar tarefas da mesma forma que realizava antes da doença, mas não consegue.

2) “Mas você tem a vida boa! Existem pessoas que estão em situações tão piores que você…”

Independentemente das condições de vida de uma pessoa, a depressão é uma doença que pode ser hereditária ou causada por acontecimentos de grande impacto na vida de alguém. Por isso, os bens materiais não são determinantes na existência da doença.

Continua após a publicidade

Um exemplo recente disso é o vocalista da banda Linkin Park, Chester Bennington, que, apesar de possuir fama, dinheiro e reconhecimento, lidava com a doença e decidiu que, para dar fim ao sofrimento, tirar a própria vida seria a melhor solução (nunca é!). Ter depressão não é uma escolha e, muitas vezes, esse tipo de fala é interpretado por quem tem a doença como “você é um ingrato”. Você há de convir que nenhuma pessoa gosta ou se sente confortável com esse tipo de comentário.

3) “Amanhã você vai estar melhor!”

É muito importante lembrar que a depressão não é um estado emocional como a alegria, a raiva, a tristeza ou o medo, por exemplo. Sendo assim, vale sempre ter em mente que o depressivo deseja e anseia por dias melhores, mas dizer para ele que “o dia de amanhã vai ser melhor” pode gerar sofrimento.

Isso acontece devido ao fato de que, apesar do desejo de cessar a dor e o estresse emocional, a pessoa que tem depressão se vê em posição de impotência, uma vez que a doença tem como um de seus sintomas certa visão pessimista sobre as situações de sua vida.

4) “Talvez, se você sair mais de casa, esse sentimento vá embora”

Como se sabe, alguém que está lutando contra a depressão nem sempre tem disposição o suficiente para sair de casa, seja com os amigos ou simplesmente para uma caminhada sozinho – são tarefas simples, mas que podem ser extremamente difíceis para quem tem a doença. Ainda que a pessoa decida sair para fazer alguma coisa diferente do usual, não é garantido que essa pessoa se sinta bem fora de sua “zona de conforto”. Inclusive, não será assim que ela irá tratar ou curar a doença.

5) “Sei que você é forte e logo vai estar bem!”

Por incrível que pareça, afirmar ao depressivo que ele é resiliente não ajuda muito. Os atos de tentar fazer com que a pessoa com depressão se sinta melhor não devem vir baseados na ideia de que apenas a força de vontade de quem luta contra o transtorno é o suficiente.

A depressão faz qualquer pessoa se sentir impotente e fraca e colocar a responsabilidade de que a felicidade só depende da própria pessoa pode ser pressão demais para qualquer um, especialmente para aqueles que estão deprimidos. Além disso, é de extrema importância lembrar que a depressão é uma doença que exige tratamento com acompanhamento profissional e que sua cura não acontece da noite para o dia.

FONTES: Minha Vida, Clínica da Mente, Aleteia e BuzzFeed

Continua após a publicidade
Publicidade