GABRILA65162183544miv_Superinteressante Created with Sketch.

Cacau existe há mais de 10 milhões de anos, revela estudo

Pesquisadores descobriram o porquê de existirem tantos sabores de chocolate

O chocolate adoça a vida do ser humano há muito mais tempo do que se imagina. É o que sugere um estudo de pesquisadores da Universidade de Rosário e da Universidade dos Andes, na Colômbia, descobriram que resíduos de teobromina – componente da árvore de cacau – tem uma evolução de mais de 10 milhões de anos.

A pesquisa revela que a árvore teve tempo o suficiente de ser diversificada geneticamente e alcançar seu habitat ideal, o que comprova o fato de existirem tantas espécies de cacaueiros (e sabores de chocolate). O mais legal de tudo isso, segundo os pesquisadores, é que comprova o fato de ter cacaueiros dos dois lados dos Andes, pois elas estavam lá muito antes da cordilheira aparecer.

Leia: chocolate é quatro vezes mais excitante que o beijo

“Depois de dez milhões de anos de evolução não devemos ficar surpresos ao ver uma grande quantidade de variação dentro das espécies, algumas das quais podem apresentar novos sabores ou formas que são resistentes a doenças. Essas variedades podem contribuir para melhorar a indústria do chocolate em desenvolvimento”, diz James Richardson.

Estudos sobre a história evolutiva dos grupos de cacau são muito importantes para o desenvolvimento de indústrias agrícolas, e demonstra a importância da conservação da biodiversidade que contri para o desenvolvimento sustentável das espécies.

“Aqui nós mostramos pela primeira vez que a fonte de chocolate, a Theobroma cacao, é notavelmente velha para uma espécie planta da Amazônia “, diz o Dr. James Richardson, principal autor do estudo.