Clique e assine a partir de 5,90/mês

Na China, um único infectado transmitiu coronavírus a 24 pessoas num ônibus

O episódio, comentado num novo estudo científico, mostra a capacidade de espalhamento do novo coronavírus.

Por SUPER - Atualizado em 6 out 2020, 19h00 - Publicado em 10 set 2020, 16h46

35% dos passageiros de um ônibus que, no dia 19 de janeiro de 2020, fazia uma excursão até um templo budista na cidade de Ningbo, na China, contraíram o novo coronavírus.

E o mais curioso é que, para isso, bastou que apenas uma das 68 pessoas a bordo estivesse contaminada. A viagem durou cerca de 1h40, e nenhum dos passageiros usava máscara.

Um estudo que descreve o caso, publicado na revista científica Jama em setembro. Ele mostra que a distância que o passageiro viajava do infectado, por exemplo, pouco importava: mesmo pessoas que viajavam a sete fileiras atrás dele acabaram doentes.

Entre as 172 pessoas que participaram do evento mas não chegaram de ônibus, sete contraíram o novo coronavírus.

Para cientistas, o episódio com o ônibus chinês mostra o alto potencial de transmissão do vírus pelo ar. E também reforça a importância do uso de máscaras – e de  manter ventilação adequada em ambientes fechados – mesmo após o fim da pandemia.

Você pode ler o estudo clicando neste link.

Continua após a publicidade
Publicidade