GABRILA65162183544miv_Superinteressante Created with Sketch.

O que são raios gamas?

Essas ondas eletromagnéticas têm várias utilizações práticas. A indústria de alimentos, por exemplo, a usa para descontaminar frutas e legumes

PERGUNTA Guilherme Cardoso, São Paulo, SP

São ondas eletromagnéticas de alta frequência semelhantes à luz e aos raios X. A diferença é que eles carregam muito mais energia. Com alto poder de penetração na matéria, os raios gama só podem ser barrados por elementos extremamente densos, como o chumbo. Sua origem vem do processo chamado decaimento radioativo, no qual um átomo em nível nuclear emite energia para o ambiente até ganhar estabilidade.

Os raios gama têm diversos usos práticos. Conheça alguns deles.

 

 (Denis Freitas/Mundo Estranho)

A irradiação com raios gama é usada na indústria alimentícia para descontaminar e aumentar a durabilidade dos produtos. Alimentos irradiados demoram mais para amadurecer e ficam esterilizados contra microrganismos. Assim, eles podem ficar mais tempo nas prateleiras dos supermercados.

 

 (Denis Freitas/Mundo Estranho)

A radiação gama é nociva aos tecidos vivos por possuir poder ionizante, e a medicina se aproveita disso com a radioterapia. Os raios gama podem, com controle da energia, ser direcionados para destruir o tumor maligno de um paciente, preservando os tecidos sadios do resto do corpo.

 

 (Denis Freitas/Mundo Estranho)

Cientistas empregam raios gama em laboratório na técnica chamada espectroscopia de Mössbauer: eles analisam o quanto cada espécie química absorve dos raios gama e, assim, podem identificá-las. Os raios também são usados para apontar falhas e trincas microscópicas em estruturas metálicas grandes, como tubulações industriais.

 

Veja também

Hulk na vida real? Impossível

Durante o experimento com uma bomba de raios gama, o cientista Bruce Banner se transformou no famoso gigante verde da editora Marvel. O personagem foi criado em 1962, no auge da era nuclear, quando o medo da radioatividade se alastrava pelos EUA e pelo mundo – as bombas de Hiroshima e Nagasaki haviam sido detonadas poucos anos antes.

Na vida real, a alta dose de radiação aplicada no cientista Bruce Banner causaria a morte imediata por consequência de queimaduras graves, risco de desenvolvimento de tumores malignos e perda de funções de órgãos, levando à falência de sistemas do corpo.

 

Veja também
  • query_builder
  • query_builder

 

CONSULTORIA Ulisses Condomitti, doutor em química e criador do site Olhar Nano

FONTES Sites Brasil Escola e Mundo Educação

 

Newsletter Conteúdo exclusivo para você