GABRILA65162183544miv_Superinteressante Created with Sketch.

Um Suposto Gene Gay

Cientistas americanos anunciaram a descoberta de um gene ligado à homossexualidade.

Será que uma pessoa se torna homossexual durante a vida ou já nasce com essa tendência?
A polêmica foi atiçada depois que, em julho passado, geneticistas do Instituto Nacional de Câncer dos Estados Unidos anunciaram a descoberta de um gene ligado à homossexualidade. No início eles estudaram o caso de 76 gays. Enquanto, numa população em geral, há 2% de homossexuais, nas famílias das pessoas estudadas a proporção subia 7,5%.
Mais Precisamente, a diferença foi notada nos parentes do lado materno. Daí os pesquisadores concentraram a atenção bi cromossomos X, aqueles que as pessoas herdam da mãe – se houvesse um gene responsável pela homossexualidade seria mais provável que ele estivesse ali. Os Cientistas usaram enzimas especiais para marcas nos cromossomos X de quarenta pares de irmãos homossexuais. Resultado 33 pares, as enzimas deixaram cinco marcas iguais reunidas numa pequena área do cromossomo X.
Isso sugeriu aos pesquisadores que ao menos um gene relacionado com a homossexualidade se encontra naquele lugar.
O geneticista Dean Hamer, chefe da equipe, diz que esta é mais forte evidência de que a homossexualidade tem um componente genético, embora este não deve ser encarado como causa direta. “Os genes costumam determinar tendência no comportamento de uma pessoa e a vida que ela leva pode acioná-los ou não.”