Clique e Assine SUPER por R$ 9,90/mês
Imagem Blog

Ciência Maluca

Por redação Super Materia seguir SEGUIR Seguindo Materia SEGUINDO
Este blog não é mais atualizado. Mas fique à vontade para ler o conteúdo.
Continua após publicidade

Fingir sentimentos faz bem para você

Por Carol Castro
Atualizado em 21 dez 2016, 10h08 - Publicado em 2 jul 2012, 19h43

Tem dias que a gente acorda pronto para voltar a dormir. Faltam umas doses de ânimo, confiança, vontade. Só que bem naquele dia você tem uma reunião importante no trabalho – e precisa apresentar um projeto novo para uma galera. Dá até para prever o conselho de qualquer guru de autoajuda: pense positivo e tudo vai dar certo! Assim: relembre aquele dia em que você mandou super bem, recebeu mil elogios e… pronto, sua confiança volta turbinada. Certo? Não. A melhor saída, segundo a ciência, é fingir, enganar sua cabeça.

Essa história vem de um artigo do The Guardian, escrito pelo psicólogo Richard Wiseman. Segundo ele, seu humor muda quando você finge um comportamento. Por exemplo, se você estiver triste, force um sorriso. É mais fácil ficar feliz com um sorriso falso do que apenas pensar em coisas legais.

O artigo relembra uma pesquisa antiga, dos anos 70, de uma universidade americana. Nela, os voluntários tiveram de forçar algumas expressões. Alguns agiram como se estivessem bravos, com a sobrancelha franzida e os dentes cerrados, enquanto outros tiveram de abrir um sorrisão. Aí, quem fez cara de bravo realmente ficou mais bravo, e quem sorriu ficou mais feliz.

Com outros sentimentos, como confiança, isso também funciona. Um estudo da Columbia Business School dividiu alguns voluntários em dois grupos diferentes. A primeira turma teve de adotar uma postura dominadora: colocar o pé na mesa, olhar para cima e colocar as duas mãos cruzadas atrás da nuca. Os outros participantes tiveram de ficar em pé, olhando para o chão. Em pouco tempo, a confiança e o nível de testosterona de quem pagou de folgado, com os pés na mesa, aumentou.

Continua após a publicidade

Ou seja, qualquer comportamento, expressão do seu corpo pode afetar seu humor. Não é uma loucura pensar como nossa mente e corpo conversam, se enganam e guiam nossas atitudes?

(Vale lembrar que outras pesquisas já disseram o contrário: sorriso forçado não ajuda em nada.)

Crédito da foto: cuteculturechick.com

Leia também:
Ser feliz faz mal para você

5 boas razões científicas para você sorrir
Forçar sorriso piora o seu humor

Publicidade

Matéria exclusiva para assinantes. Faça seu login

Este usuário não possui direito de acesso neste conteúdo. Para mudar de conta, faça seu login

Domine o fato. Confie na fonte.

10 grandes marcas em uma única assinatura digital

MELHOR
OFERTA

Digital Completo
Digital Completo

Acesso ilimitado ao site, edições digitais e acervo de todos os títulos Abril nos apps*

a partir de 9,90/mês*

ou
Impressa + Digital
Impressa + Digital

Receba Super impressa e tenha acesso ilimitado ao site, edições digitais e acervo de todos os títulos Abril nos apps*

a partir de 14,90/mês

*Acesso ilimitado ao site e edições digitais de todos os títulos Abril, ao acervo completo de Veja e Quatro Rodas e todas as edições dos últimos 7 anos de Claudia, Superinteressante, VC S/A, Você RH e Veja Saúde, incluindo edições especiais e históricas no app.
*Pagamento único anual de R$118,80, equivalente a 9,90/mês.

PARABÉNS! Você já pode ler essa matéria grátis.
Fechar

Não vá embora sem ler essa matéria!
Assista um anúncio e leia grátis
CLIQUE AQUI.