Assine SUPER por R$2,00/semana
Imagem Blog

Oráculo Materia seguir SEGUIR Materia seguir SEGUINDO

Por aquele cara de Delfos
Ser supremo detentor de toda a sabedoria. Envie sua pergunta pelo inbox do Instagram ou para o e-mail maria.costa@abril.com.br.
Continua após publicidade

Dá mesmo para abrir fechaduras com um clipe de cabelo?

Sim. A prática chama lockpicking – e você pode treiná-la dentro de casa.

Por Carolina Fioratti
Atualizado em 11 dez 2023, 10h33 - Publicado em 12 out 2021, 17h53

Dá. Vale também clipe de papel, grampo, agulha ou qualquer outro objeto fino o suficiente para entrar no buraco da fechadura.

No interior de uma fechadura ou cadeado, há uma sequência de pinos. Esses pinos têm alturas diferentes, e a parte serrilhada da chave serve para alinhá-los. Os pinos menores se encaixam nos dentinhos mais altos para subir. Os pinos maiores se encaixam nos dentinhos mais baixos e acabam descendo. Quando essas peças formam uma linha reta, abre-te sésamo. Mãos de larápio talentosas alinham os pinos na marra usando a ferramenta improvisada de preferência.

Demétrius Rafael – um analista de segurança digital que também é instrutor de lockpicking (o nome da prática) – explicou a este Oráculo que fechaduras tetra (que possuem quatro pontas) são particularmente desafiadoras. Além disso, há fabricantes que colocam barreiras de segurança extra nos cadeados, como a empresa brasileira Papaiz.

Ter certa sensibilidade na mão ajuda na hora de executar esse “hack analógico”, mas nada que não possa ser treinado. Existem cadeados transparentes para quem quer se aperfeiçoar no hobby.

Ficou interessado? A Super só pede uma coisa: que os talentos de MacGyver dos leitores permaneçam só no campo do passatempo.

Pergunta de @joao_hen_, via Instagram.

Publicidade

Matéria exclusiva para assinantes. Faça seu login

Este usuário não possui direito de acesso neste conteúdo. Para mudar de conta, faça seu login

A ciência está mudando. O tempo todo.

Acompanhe por SUPER.

MELHOR
OFERTA

Digital Completo
Digital Completo

Acesso ilimitado ao site, edições digitais e acervo de todos os títulos Abril nos apps*

a partir de R$ 2,00/semana*

ou

Impressa + Digital
Impressa + Digital

Receba Super impressa e tenha acesso ilimitado ao site, edições digitais e acervo de todos os títulos Abril nos apps*

a partir de R$ 12,90/mês

*Acesso ilimitado ao site e edições digitais de todos os títulos Abril, ao acervo completo de Veja e Quatro Rodas e todas as edições dos últimos 7 anos de Claudia, Superinteressante, VC S/A, Você RH e Veja Saúde, incluindo edições especiais e históricas no app.
*Pagamento único anual de R$96, equivalente a R$2 por semana.

PARABÉNS! Você já pode ler essa matéria grátis.
Fechar

Não vá embora sem ler essa matéria!
Assista um anúncio e leia grátis
CLIQUE AQUI.