Assine SUPER por R$2,00/semana
Imagem Blog

Oráculo

Por aquele cara de Delfos
Ser supremo detentor de toda a sabedoria. Envie sua pergunta pelo inbox do Instagram ou para o e-mail maria.costa@abril.com.br.
Continua após publicidade

Qual foi o primeiro shopping center?

Os bazares do Oriente Médio são os ancestrais mais antigos dos centros comerciais atuais, mas os shoppings climatizados são uma invenção dos anos 1950.

Por Bruno Vaiano Materia seguir SEGUIR Materia seguir SEGUINDO
16 nov 2023, 15h58

Depende da definição de shopping center que você quer adotar. Se estivermos pensando em um sentido mais amplo da coisa – um conjunto de lojas conectadas por corredores cobertos –, os shoppings mais antigos são os bazares (palavra de origem persa) ou souqs (palavra árabe), comuns no Oriente Médio desde os tempos da Suméria e da Babilônia. 

Em 1789, Paris inaugurou a Passage du Caire, que existe até hoje e foi uma das primeiras tentativas de adaptar a ideia de souq árabe para a elite do Ocidente. O complexo consistia em três vielas estreitas cobertas por um teto de vidro, ladeadas por lojinhas e iluminadas por lâmpadas a gás (é claro que, atualmente, utiliza-se luz elétrica). Moradores de Curitiba vão se lembrar da Rua 24 Horas, que é uma versão brasileira Herbert Richers da passagem francesa. 

A ideia virou meme no século 19: toda cidade europeia passou a ter um calçadão com lojas e teto envidraçado. A Galleria Vittorio Emanuele II, inaugurada em Milão em 1877, foi um exemplo particularmente suntuoso; seu pé-direito já lembra um shopping contemporâneo, e até o Google Maps classifica o local como shopping center. 

  • Relacionadas

Uma diferença fundamental entre essas construções e os shoppings atuais, porém, é que as ruas de vidro europeias eram um trunfo urbanístico: serviam de estímulo para os cidadãos passearem pelas ruas à noite, mantendo-as movimentadas e seguras – algo que coíbe crimes violentos. 

Continua após a publicidade

Os shoppings atuais, por outro lado, são isolados do tecido urbano por bolsões de estacionamento e não são facilmente acessíveis a pé. Eles são parte de uma configuração de cidade que privilegia o uso do carro e a moradia em condomínios fechados, algo que comprovadamente piora a segurança pública. 

Nesse sentido mais restrito – um local inteiramente fechado e climatizado, com filiais de lojas e redes de fast food –, uma resposta possível é que o primeiro shopping foi o Shopping (sim, esse era o nome), aberto na cidade de Luleå, na Suécia, em 1955. Outro marco é a abertura do Southdale Center em Minessota, nos EUA, em 1956, que é indistinguível de um shopping atual. 

Como tudo na História, porém, é difícil apontar um pioneiro exato: esses centros de compras são uma ideia que evoluiu gradualmente, em sintonia com o boom econômico dos EUA após a 2ª Guerra e a popularização do carro como meio de transporte. 

Pergunta de @thggomes, via Instagram. 

Publicidade

Matéria exclusiva para assinantes. Faça seu login

Este usuário não possui direito de acesso neste conteúdo. Para mudar de conta, faça seu login

Domine o fato. Confie na fonte.

10 grandes marcas em uma única assinatura digital

MELHOR
OFERTA

Digital Completo
Digital Completo

Acesso ilimitado ao site, edições digitais e acervo de todos os títulos Abril nos apps*

a partir de R$ 2,00/semana*

ou
Impressa + Digital
Impressa + Digital

Receba Super impressa e tenha acesso ilimitado ao site, edições digitais e acervo de todos os títulos Abril nos apps*

a partir de R$ 12,90/mês

*Acesso ilimitado ao site e edições digitais de todos os títulos Abril, ao acervo completo de Veja e Quatro Rodas e todas as edições dos últimos 7 anos de Claudia, Superinteressante, VC S/A, Você RH e Veja Saúde, incluindo edições especiais e históricas no app.
*Pagamento único anual de R$96, equivalente a R$2 por semana.

PARABÉNS! Você já pode ler essa matéria grátis.
Fechar

Não vá embora sem ler essa matéria!
Assista um anúncio e leia grátis
CLIQUE AQUI.