Clique e Assine SUPER por R$ 9,90/mês
Imagem Blog

Oráculo

Por aquele cara de Delfos Materia seguir SEGUIR Seguindo Materia SEGUINDO
Ser supremo detentor de toda a sabedoria. Envie sua pergunta pelo inbox do Instagram ou para o e-mail maria.costa@abril.com.br.
Continua após publicidade

Se o corpo precisa ser mantido a 36 ºC, por que a temperatura mais agradável é 22ºC?

Se o corpo precisa ser mantido a 36 ºC, por que essa não é a temperatura mais agradável, mas 22 ºC? Jaime Alex Dambros, Joinville, SC Isso está ligado ao gasto de energia do corpo, que acontece o tempo todo. Seguinte: 36 ºC é a temperatura interna média. Abaixo da garganta, está a 37 ºC. Nas […]

Por Oráculo
Atualizado em 21 dez 2016, 09h06 - Publicado em 1 jul 2016, 19h10
wundervisuals | iStock
wundervisuals | iStock


Se o corpo precisa ser mantido a 36 ºC, por que essa não é a temperatura mais agradável, mas 22 ºC?

Jaime Alex Dambros, Joinville, SC

Isso está ligado ao gasto de energia do corpo, que acontece o tempo todo. Seguinte: 36 ºC é a temperatura interna média. Abaixo da garganta, está a 37 ºC. Nas extremidades, a 32 ºC.

“É necessário haver uma diferença da ordem de 10 graus para que o corpo dissipe no ar a energia liberada”, explica o físico Delcio Basso, da PUC-RS.

Por isso 22 ºC é bom: nem alto, que dificultaria a perda de energia gerando sensação de calor, nem baixo, o que facilitaria essa perda causando frio. E 22 ºC é a temperatura média de Joinville, seu sortudo.

Post anterior: Como as galinhas não caem do poleiro quando dormem?

Publicidade

Matéria exclusiva para assinantes. Faça seu login

Este usuário não possui direito de acesso neste conteúdo. Para mudar de conta, faça seu login

Domine o fato. Confie na fonte.

10 grandes marcas em uma única assinatura digital

MELHOR
OFERTA

Digital Completo
Digital Completo

Acesso ilimitado ao site, edições digitais e acervo de todos os títulos Abril nos apps*

a partir de 9,90/mês*

ou
Impressa + Digital
Impressa + Digital

Receba Super impressa e tenha acesso ilimitado ao site, edições digitais e acervo de todos os títulos Abril nos apps*

a partir de 14,90/mês

*Acesso ilimitado ao site e edições digitais de todos os títulos Abril, ao acervo completo de Veja e Quatro Rodas e todas as edições dos últimos 7 anos de Claudia, Superinteressante, VC S/A, Você RH e Veja Saúde, incluindo edições especiais e históricas no app.
*Pagamento único anual de R$118,80, equivalente a 9,90/mês.

PARABÉNS! Você já pode ler essa matéria grátis.
Fechar

Não vá embora sem ler essa matéria!
Assista um anúncio e leia grátis
CLIQUE AQUI.