Clique e Assine a partir de R$ 12,90/mês
Turma do Fundão Por Blog Grupo de leitores-colaboradores da ME que ajuda a revista sugerindo pautas e alimentando este blog cultural

Resenha: Simon vs. A Agenda Homo Sapiens

Por turma-do-fundao Atualizado em 4 jul 2018, 20h33 - Publicado em 21 mar 2016, 16h12

Bianca_Sonnewend

Divulgação

Divulgação

Se você gosta de romances melosos que proporcionam uma leitura incrivelmente rápida, Simon vs. A Agenda Homo Sapiens (Ed. Intrínseca, 272 págs., R$ 34,90) é a opção perfeita. Alguns capítulos são predominantemente diálogos e outros são e-mails trocados entre os personagens, o que torna a leitura bem fácil e divertida, sendo capaz de terminar em dois dias. É uma história fofa, mas nem um pouco recomendada para homofóbicos (bleh!). Uma opção ótima para descobrir, mais uma vez, que o amor existe de todas as formas.

Simon é um adolescente passando pelo segundo ano do ensino médio que apresenta seu mundo ao leitor, com amigos temperamentais e unidos, uma família adoradora de Alvin e Os Esquilos (os filhos se chamam Alice, Eleanor e Simon) e uma troca de e-mails românticos com um rapaz chamado Blue. Ele é alguém misterioso, que Simon descobriu pelo Tumblr de fofocas da escola. Blue fez um post expondo seus sentimentos e pedindo para conversar com outras pessoas sobre ele ser gay e Simon se interessou.

Mas nem tudo é perfeito. Martin, um colega de Simon, encontra o histórico de e-mails de Simon com Blue e o chantageia para que arranje para ele um encontro com Abby, amiga de Simon. O protagonista foge do assunto, o que gera confusão na vida dele e de seus amigos. Pelo medo de que alguém desconfie de que é gay, Simon cria um mundo próprio, protegido pela música no iPod.

Blue dá muita força a Simon por meio dessa amizade repentina criada virtualmente. Simon sente que precisa ser verdadeiro consigo mesmo. Então, apesar da chantagem de Martin, o personagem até que é agradecido pelo que aconteceu, porque lhe deu coragem.

Uma coisa muito interessante no livro é que a escritora deixou de lado toda a dificuldade cultural da sociedade com essa temática. A homofobia passa longe aqui (apesar de aparecer), sendo contornada pela base de apoio de Simon. A ficção nessas horas podia ser realidade. Isso impediria muitos acidentes de ódio e preconceito que atingem a comunidade LGBT em geral.

Acho que a mensagem que a própria escritora (Becky Albertalli é psicóloga e trabalha com adolescentes) quer passar é que jovens devem aprender a se sentirem bem consigo mesmos. Essa atitude começa desde o momento em que você se aceita até o momento em que seus pais e amigos te aceitam. Mas isso nunca deve depender da aceitação do outro, e sim de você mesmo. Assumir algo que é considerado “fora da agenda Homo sapiens” é difícil, mas todos devem ter força para conseguir isso, levando sempre em consideração mais seus sentimentos do que quaisquer pensamentos negativos que os outros possam ter.

nota3.5

Continua após a publicidade

Publicidade

Essa é uma matéria exclusiva para assinantes. Se já é assinante, entre aqui. Assine para ter acesso a esse e outros conteúdos de jornalismo de qualidade.

Essa é uma matéria fechada para assinantes e não identificamos permissão de acesso na sua conta. Para tentar entrar com outro usuário, clique aqui ou adquira uma assinatura na oferta abaixo

Transforme sua curiosidade em conhecimento. Assine a Super e continue lendo

Impressa + Digital

Plano completo da Super! Acesso aos conteúdos exclusivos em todos formatos: revista impressa, site com notícias e revista no app.

Acesso ilimitado ao Site da SUPER, com conteúdos exclusivos e atualizados diariamente.

Receba mensalmente a SUPER impressa mais acesso imediato às edições digitais no App SUPER, para celular e tablet.

a partir de R$ 19,90/mês

Digital

Plano ilimitado para você que gosta de acompanhar diariamente os conteúdos exclusivos no site e ter acesso a edição digital no app.

Acesso ilimitado ao Site da SUPER, com conteúdos exclusivos e atualizados diariamente.

App SUPER para celular e tablet, atualizado mensalmente.

a partir de R$ 12,90/mês