GABRILA65162183544miv_Superinteressante Created with Sketch.

A Monadologia

Gottfried Wilheim Leibniz

NOME ORIGINAL_Monadologie (Alemanha)
EDIÇÃO NO BRASIL_ em Discurso de Metafísica e Outros Textos, Martins Fontes; 2004

DO QUE TRATA

O filósofo Leibniz procurou explicar a existência do Mal num mundo criado por um Deus bom. O Universo deve ser imperfeito para se diferenciar de Deus. Segundo ele, Deus concebeu todas as essências possíveis. Essas essências, indivisíveis, imutáveis, fechadas, “sem portas nem janelas”, ele chamou de mônadas. As mônadas compõem tudo, do mundo inanimado à mente racional, e estão organizadas numa harmonia predeterminada, criando o melhor dos mundos possíveis.

QUEM ESCREVEU

Filósofo, cientista, matemático e diplomata, Leibniz (1646-1716) esperava que sua filosofia criasse a base para uma teologia reunificadora da Igreja dividida pela Reforma Protestante. Entre seus méritos, está a descoberta do cálculo infinitesimal, que possibilitou a viagem do homem à Lua. Formulou um modelo de sistema numérico binário, precursor da computação. Construiu a primeira calculadora mecânica capaz de dividir e multiplicar.

POR QUE MUDOU A HUMANIDADE

Partindo de uma crítica do “Penso, logo existo” de Descartes (leia na página 45), Leibniz faz a ligação entre as filosofias renascentistas e iluministas. Sua obra servirá de base para os grandes sistemas da filosofia contemporânea.