GABRILA65162183544miv_Superinteressante Created with Sketch.

Galinha, DeLorean e aquela câmera da Copa

Mais uma seleção estupenda de perguntas enviadas pelos melhores leitores da história. Ou seria estória?

Ediçao: Felipe van Deursen

 

MOLHADO DEBAIXO DA CAMA

Enciclopédia de curiosidades, por que quando brincávamos de esconder sentíamos vontade de fazer xixi?

Laura Corso,

Caxias do Sul, RS

Porque normalmente, nesse tipo de brincadeira, a criança fica tensa e excitada. Assim, os músculos apertam vias urinárias e órgãos como a bexiga, dando vontade de fazer xixi. Corra para o banheiro antes de bater “um, dois, três, agora é sua vez”. 1

MMELIER DE COCÔ

Cachorro tira informações de fezes de gente, como faz com as de outros cães?

Thalita Fonseca,

Brasília, DF

Não. Cocô de gente fala um idioma desconhecido aos focinhos dos animais. Nós não temos o cheiro e os hormônios que os cães possuem, então quando seu cachorro investiga suas fezes, a única coisa que ele descobre é que não foi um cão que passou por ali. Graças a hormônios contidos nos excrementos, cães são grandes críticos de arte ao avaliar a obra de outros cachorros. Basta uma fungada para identificar, por exemplo, se o responsável pelo artefato é macho ou fêmea e se a fêmea está no cio. 2

DISK-ORÁCULO

Por que telefone fixo tem letras se não dá para mandar SMS?

Ana Carolina Begalli,

Indaiatuba, SP

É um padrão mundial, e as letras servem, principalmente, para decorar contatos. Nos Estados Unidos, é comum empresas investirem em números que formem palavras que criem uma relação com a marca. Tipo pizzarias que usam o 74992, já que no teclado a sequência forma “pizza”. 3

O H DA QUESTÃO

Onisciente e tesudo Oráculo: no inglês ainda existe a distinção story e history. Navegando nos confins da internet me deparei com o termo “estória”, que não é mais admitido no português. Pode isso, Arnaldo?

Ramon Efísio,

Juiz de Fora, MG

A regra é clara: “estória” é admitido, sim. O termo caiu em desuso porque “história” pode ser usado tanto para fatos históricos, reais, quanto fictícios. Já estória é a narrativa popular, folclórica. O termo foi criado pelo jornalista e historiador João Ribeiro, em 1919, e popularizado pelo escritor Guimarães Rosa, que o usava muito. Hoje, usamos mais a palavra “causo” – termo que também está no dicionário. 5

MOMENTO SÉRIO

Casos previstos de câncer de mama no Brasil: 52.680. De câncer de próstata: 60.180. Por que não se faz uma campanha tão maciça para a prevenção do câncer de próstata quanto do de mama?

Joamar Costa,

Fortaleza, CE

Porque o câncer de mama cresce mais rápido e agressivamente que o de próstata. Por isso se investe mais em campanhas de autoexame. O Instituto Nacional de Câncer diz que uma campanha de prevenção contra o câncer de próstata pode trazer danos como resultados falso-positivos e complicações associadas à realização de biópsias. E esses tumores, em geral, (crescem lentamente). Muitas vezes, nem ameaçam a saúde. Mesmo assim, homens com mais de 50 anos devem fazer o rastreamento conforme indicação do médico.

VIDA DE GALO

Como se define quando o pinto deixou de ser pinto? Pela idade?

Allan Cristian,

Paulista, PE

Sim. Até a terceira semana de vida, todos os filhotes, machos ou fêmeas, são (pintos). No 21o dia, eles se tornam frangos. Já a passagem da juventude para a vida adulta acontece por volta da 20a semana, com a chegada da maturidade sexual. Aí, meu bom amigo, a galinha ovula e encanta, e o galo cresce e canta. 4

GRANDES CELEBRIDADES E SEUS PINTOS

Kiss

Pisoteadores de pintinhos no palco, segundo um boato – desmentido.

Gugu

Entusiasta aviário com Pintinho Amarelinho, Baile dos Passarinhos e A Dança do Piu Piu.

Raça Pura

O pinto do pai e a galinha da vizinha rivalizam com Marylou como galináceo mais famoso da MPB.

Galinha-Pintadinha

Ex-Pinto Pintadinho e notório hipnotizador infantil.