GABRILA65162183544miv_Superinteressante Created with Sketch.

O novo dinheiro do Velho Mundo

Onze países da Europa estréiam o euro, a moeda que quer bater o dólar.

Fernando Valeika de Barros, de Paris

Nós, brasileiros, já estamos calejados. Mas, para os europeus, a mudança de moeda que acontece agora é o evento do século. Desde 4 de janeiro, é o euro que vale nas transações financeiras de onze nações do Velho Mundo (veja ao lado). Por enquanto, só bolsas de valores e bancos serão obrigados a trabalhar com ele. O recheio da carteira do consumidor começa a mudar apenas em janeiro de 2002. Seis meses depois, franco, marco, lira, peseta e outras terão sumido. Já pensou?

O euro foi o jeito encontrado pelos quinze países-membros da União Européia para encarar o dólar, usado hoje em 50% das transações comerciais no mundo. Em riqueza, os países da eurolândia empatam com os Estados Unidos. A nova moeda vai estimular a economia dos quinze e economizar divisas no câmbio. Hoje, se você passasse por todas essas nações numa viagem, empataria quase 40% do seu dinheiro em conversão. Isso quer dizer que, em 2002, ficará bem mais fácil e barato sair de férias na Europa.

Para o europeu, valerá a pena até saltar fronteiras só para fazer compras, já que há grandes diferenças de preços entre um país e outro. Por uma geladeira, acredite, paga-se 147% mais na Alemanha do que na Finlândia. “A exposição da disparidade deverá acirrar a competição e, espera-se, mais tarde diminuir os preços”, disse à SUPER o economista Boris Durande, conselheiro da União Européia em Paris.

As vantagens terão seu preço. Até máquinas de refrigerantes precisarão ser ajustadas. E, no começo, o novo dinheiro vai incomodar um bocado gente acostumada com moedas centenárias. O italiano, por exemplo, precisará dividir o preço da pizza por 1 933, 64 para saber quanto ela vale em euro. Vai praguejar muito antes de festejar o corte de zeros em suas contas.

Para tornar gradativo o impacto no cotidiano dos 291 milhões de habitantes, contas, extratos bancários e contra-cheques começam a trazer, desde já, as quantias expressas também em euro. Em 2002, talvez os europeus já consigam ir às compras sem levar a calculadora. Por enquanto, fazem como os brasileiros costumavam fazer quando mudava a moeda por aqui: reclamam e torcem para que, no fim, tudo dê certo.

Símbolos sem dono

Notas serão iguais para todos. As cédulas trarão portas de um lado e pontes do outro, todas imaginárias. As moedas terão cara comum (veja no porquinho a de 1 euro) e coroas diferentes para cada país.

O caso da vaca

O Euro deveria ter se chamado ECU (sigla para Unidade Monetária Européia em inglês), mas os alemães se queixaram que, na sua língua, ein ECU (um ECU) pareceria demais com eine Kuh (uma vaca)

Reforma

Todos os teclados de computador terão de ser adaptados, pois nenhum traz o epsílon (quinta letra do alfabeto grego), símbolo gráfico do euro.

Bem-vindo à eurolândia

Veja as coroas das moedas de 1 euro, as notas marcadas para morrer e a conversão.

Grã-Bretanha e Dinamarca, desconfiadas, se recusaram a adotar o euro já. Grécia e Suécia foram reprovadas nas regras, que são as seguintes: déficit público menor que 3% do PIB; dívida menor que 60% do PIB; inflação de até 2,7%; juros de até 7,8%. Os quatro países deverão aderir mais tarde.

Irlanda

Moeda: libra irlandesa

1 euro = 0,76 libras

Nova coroa: harpa

Portugal

Moeda: escudo

1 euro = 201,22 escudos

Nova coroa = cruz da Ordem de Cristo

França

Moeda: franco francês

1 euro = 6,58 francos

Nova coroa: lema “Liberdade, Igualdade, Fraternidade”

Espanha

Moeda: peseta

1 euro = 166,38 pesetas

Nova coroa: rei Juan Carlos

Áustria

Moeda: shilling austríaco

1 euro = 13,89 shillings

Nova coroa: Amadeus Mozart

Itália

Moeda: lira

1 euro = 1 933,64 liras

Nova coroa: obra de Leonardo da Vinci

Alemanha

Moeda: marco

1 euro = 1,97 marcos

Nova coroa: águia

Finlândia

Moeda: marca

1 euro = 5,93 marcas

Nova coroa: gansos selvagens

Holanda

Moeda: florim

1 euro = 2,21 florins

Nova coroa: rainha Beatriz

Bélgica

Moeda: franco belga

1 euro = 40,63 francos

Nova coroa: rei Alberto II

Luxemburgo

Moeda: franco luxemburguês

1 euro = 40,63 francos

Nova coroa: grão-duque Jean