Clique e Assine a partir de R$ 9,90/mês

Quais os jeitos mais bizarros de passar droga pelo aeroporto?

Costurar trouxinha na roupa? Engolir cápsulas? Isso é muito anos 90

Por Michele Silva Atualizado em 12 mar 2018, 18h37 - Publicado em 22 jan 2011, 22h00

Hoje, os traficantes precisam ser mais criativos para poder exercer suas atividades ilegais, apelando para métodos que parecem até lenda urbana, como mala fabricada com cocaína plástica e drogas escondidas em aros de óculos.

Um dos esquemas mais engenhosos é a chamada cocaína negra. Traficantes misturam a droga a outros componentes químicos na produção de um tipo de plástico, utilizado na estrutura de malas. Até a religião serve de disfarce: na Colômbia, a polícia descobriu padres que levavam bíblias besuntadas com cocaína líquida.

Mas a maioria dos flagrantes ainda é de pessoas que recorrem a métodos manjados, como enrolar droga em filme plástico para enganar o raio X. “O problema é que não conseguem enganar o faro do cão”, garante o delegado chefe de operações da Polícia Federal no aeroporto de Guarulhos, Gilberto Castro.

As maneiras mais inusitadas de praticar o tráfico aéreo

É FLAGRANTE
Engolir cápsulas para evacuá-las depois ou envolver a droga em plástico não funciona mais. O esquema é flagrado pelo nervosismo dos traficantes ou pelos cães policiais.

LÍQUIDO E CERTO
Em um procedimento simples e pouco rentável, o pó é liquefeito e levado em frascos de xampu, garrafas de suco ou vinho.

MÁ FÉ
Na Colômbia, uma quadrilha usava bíblias para despachar pó. As páginas eram mergulhadas na solução de cocaína líquida e encadernadas.

TUDO SE TRANSFORMA
Esta desafia a polícia: misturada a outros materiais, a cocaína forma uma pasta plástica usada para fazer rodinhas de mala. Depois, outro processo separa o pó.

PREENCHENDO LACUNAS
Outro truque é usar recipientes improváveis, como fraldas, próteses e armações de óculos. Em 2006, uma mulher foi presa em Confins (MG) com dois balões de festa no sutiã, cada um contendo 1,25 kg de haxixe.

Continua após a publicidade

Publicidade

Essa é uma matéria exclusiva para assinantes. Se já é assinante, entre aqui. Assine para ter acesso a esse e outros conteúdos de jornalismo de qualidade.

Essa é uma matéria fechada para assinantes e não identificamos permissão de acesso na sua conta. Para tentar entrar com outro usuário, clique aqui ou adquira uma assinatura na oferta abaixo

Transforme sua curiosidade em conhecimento. Assine a Super e continue lendo

Impressa + Digital

Plano completo da Super. Acesso aos conteúdos exclusivos em todos formatos: revista impressa, site com notícias e revista no app.

Acesso ilimitado ao Site da SUPER, com conteúdos exclusivos e atualizados diariamente.

Receba mensalmente a SUPER impressa mais acesso imediato às edições digitais no App SUPER, para celular e tablet.

a partir de R$ 12,90/mês

MELHOR
OFERTA

Digital

Plano ilimitado para você que gosta de acompanhar diariamente os conteúdos exclusivos no site e ter acesso a edição digital no app.

App SUPER para celular e tablet, atualizado mensalmente.

a partir de R$ 9,90/mês

ou

30% de desconto

1 ano por R$ 82,80
(cada mês sai por R$ 6,90)