Clique e Assine a partir de R$ 8,90/mês

Conheça a “Anger Room”, a sala onde é permitido destruir tudo

Está louco da vida, a ponto de jogar alguma coisa na parede (ou em alguém)? Não faça isso... Entre na sala onde você pode extravasar toda a sua raiva.

Por Anna Carolina Rodrigues Atualizado em 21 fev 2017, 12h11 - Publicado em 26 jul 2012, 22h00

Quem nunca ficou tão irritado que sentiu vontade de sair quebrando tudo que via pela frente? Agora existe uma maneira de extravasar a raiva sem ficar no prejuízo: a Anger Room (sala da raiva, em inglês), um lugar onde as pessoas podem quebrar todos os objetos presentes. O ingresso mais barato custa US$ 25 e dá direito a ficar 5 minutos detonando a sala, que fica na cidade de Dallas e inclui móveis, telefones, TVs, computadores e até manequins. O freguês pode escolher a disposição dos objetos para que o ambiente fique com cara de escritório ou de casa, e também selecionar uma trilha sonora (a música mais pedida é Break Stuff, da banda Limp Bizkit).

“A maioria dos meus clientes são pessoas normais. Recebo muita gente de escritório e mães de família”, diz a empresária americana Donna Alexander, criadora do negócio. Os objetos da Anger Room são provenientes de doações e, depois do quebra-quebra, os restos são enviados para usinas de reciclagem. O negócio recebe em média 36 pessoas por dia.

“Usar a agressividade para aliviar a tensão é um paliativo, não solução”, diz a psicóloga Tatiana Paranaguá, da PUC do Rio de Janeiro. “É muito mais facil socar a parede do que identificar os reais motivos que causam o estresse”. E mais divertido também.

Publicidade