GABRILA65162183544miv_Superinteressante Created with Sketch.

E se o conflito de Star Wars fosse resolvido sem uma guerra?

Curta-metragem reimagina os eventos de Guerra nas Estrelas – só que sem a guerra. E com uma partida de xadrez.

Há muito tempo, numa galáxia muito, muito distante, o perverso Império Galáctico e a Aliança Rebelde estavam em conflito. Mas, ao invés de iniciarem uma guerra civil, resolveram as suas diferenças com o uso da Força – em uma partida de xadrez. Parece apenas mais uma História Sem Graça, mas este é o enredo de Star Peacefully Resolved Conflict (“Conflito nas estrelas resolvido pacificamente”, em tradução livre), animação que reimagina eventos da trilogia original de Star Wars como uma aventura bem menos bélica (e com dois minutos de duração, é claro).

O curta-metragem é uma criação de Márk Juhász. O designer e animador imaginou uma versão do conflito intergalático em que os lados antagonistas são muito menos agressivos em suas tentativas de libertar ou governar a galáxia (apesar de demonstrarem zero tolerância com cigarros acesos em áreas em que é proibido fumar, vale notar).

Repleta de pequenos easter eggs e humor visual, a paródia transforma o confronto final de Luke Skywalker e Darth Vader em um embate que é bem pouco dramático – nada de batalhas épicas com sabre de luz, nem aquela torta de climão que é descobrir que o maior vilão da galáxia é o seu pai – mas é certamente mais inusitado. Usando apenas a Força (e o intelecto), a disputa pelo futuro da galáxia reside em um tabuleiro de xadrez. E quando o mal invariavelmente perde a batalha, resta apenas uma solução: guardar a Estrela da Morte e ir para casa como um bom perdedor. Inspirador.