GABRILA65162183544miv_Superinteressante Created with Sketch.

Hoje na TV, década de 80

O cardápio variado de um domingo na telinha

Rodrigo Cavalcante

Se você tem mais de 25 anos e acha que domingo é o dia mais chato da televisão, tem toda razão. Afinal, você é do tempo em que o Gugu e o Faustão eram coisas do sábado à noite (nessa hora, você estava em alguma festa dançando break ou música lenta com uma fã dos Menudos). A programação do domingo era tão eclética que você podia amanhecer ouvindo Chopin nos Concertos para Juventude, almoçar agoniado com o menino que trocava uma bicicleta Caloi por uma caixa de fósforos no Domingo no Parque e terminar a noite completamene aterrorizado com as séries paranormais do Fantástico – quando uma mulher se anunciava no hospital como a mãe de Berenice e alguém lembrava que a mãe da Berenice morreu há três anos. É, a tal mãe da Berenice morreu há uns 20 anos e a única coisa que praticamente continua igual no domingo é o bom e velho Globo Rural. Rodrigo Cavalcante

11:00 – DOMINGO NO PARQUE

Silvio Santos vem aí e se você quer ganhar um tênis Montreal é bom ensaiar para falar o nome do modelo “antimicrobiel”. Pior era trocar uma bicicleta por uma caixa de fósforos quando a luz vermelha acendia na cabine e você ouvia siim, nããão!

14:00 – FESTIVAL DE DESENHOS

O almoço de domingo está na mesa. Enquanto isso, na Sala de Justiça, a televisão está ligada, mostrando os Superamigos combatendo os vilões do mundo bizarro em algum pântano remoto no universo.

18:00 – O INCRÍVEL HULK

Quando era garoto, Robert Bruce Banner foi exposto a raios gama e se transformou num gênio. Porém, perdeu a capacidade para lidar com as emoções, ficando verde de raiva. Deprimente mesmo era ouvir, no final da tarde do domingo, a trilha no piano enquanto ele partia com uma mala e uma camisa xadrez que iria rasgar na próxima transformação.

19:00 – OS TRAPALHÕES

Pode até não ser de bom gosto, mas nada mais engraçado do que ver o Renato Aragão imitando a Maria Bethânia com as pernas cabeludas em Os Trapalhões.

20:00 – FANTÁSTICO

A chamada do programa é o “Show da Vida”. Mas, na década de 80, bem que podia ser o show da vida depois da morte. Casos paranormais, previsões do fim do mundo. Era tão assustador que tinha gente com medo até da zebrinha da loteria anunciando com a voz fina: “Coluna do meio”.

22:15 – DALLAS

Que George W. Bush que nada! Texano ambicioso de verdade era o JR, o empresário que enriqueceu com o petróleo e não tinha escrúpulos quando o assunto era poder, sexo e dinheiro. Quando o ator Larry Hagman aparecia com o chapéu de boiadeiro era hora de dormir. Pedir para ficar acordado e assistir “Cineclube”? Nem pensar…

OITENTINHAS

Confira os sites que perpetuam a memória televisiva da década

TV brasileira – http://www.quase.com/retrotv/

Hulk – http://www.buyersmls.com/americantv/hulk.htm

Dallas – http://www.tvtome.com

Superamigos – fantasia.ncsa.uiuc.edu/Doug/