GABRILA65162183544miv_Superinteressante Created with Sketch.

Para a Frente, para trás

A flecha do tempo, Peter Coveney e Roger Highfild, Editora Siciliano, São Paulo, 1993

Será que o tempo consegue andar para trás? O bom senso diz que não. Pena, pois se andasse seria possível corrigir erros do passado ou reviver momentos felizes. Essa é, em todo caso, uma das principais questões debatidas neste livro. Peter Coveney, professor de Físico-química da Universidade de Gales, Grã-Bretanha, e Roger Highfield, Editor de Ciência do Jornal londrino Daily Tlegraph, acham que a ciência contemporânea, a Física em particular, ignora o papel do tempo na ordenação do Universo. Eles pesquisaram sua presença nas modernas teorias Cientificas e sugerem a possibilidade de se chegar a uma visão unificada dos fenômenos físicos. Para os neófitos, um oportuno glossário esclarece o significado dos termos mais indigestos que habitam o estudo. A destacar, ainda, o simplificado histórico da Física, das formulações e descobertas e Isaac Newton, no século XVII, até as mirabolantes hipóteses da mecânica quântica, nossa contemporânea; e o oportuno apêndice sobre os relógios biológicos.