GABRILA65162183544miv_Superinteressante Created with Sketch.

Tratado da Natureza Humana

David Hume

NOME ORIGINAL_A Treatise of Human Nature (Escócia)
EDIÇÃO NO BRASIL_ Unesp/Imprensa Ofi cial; 2000

DO QUE TRATA

Dividida em partes (“Do Entendimento”, “Das Paixões” e “Da Moral”), a obra estuda a fundo a natureza humana, o único fundamento sólido para a compreensão das demais ciências, de acordo com o autor. Para ele, o principal fundamento da investigação científica está na experiência e na observação. Hume formula uma crítica à idéia de causalidade. Para ele, a idéia de causa e efeito está baseada na associação entre anterior e posterior, como, por exemplo, na afirmação “a pedra esquenta porque os raios de sol incidem sobre ela”. Só é possível comprovar o fato de a pedra esquentar e o fato de o sol incidir sobre ela, isolados. Já a causa pela qual a pedra esquentou não pode ser observada, e, segundo o autor, deriva apenas de uma “crença”.

QUEM ESCREVEU

O escocês David Hume (1711-1776) publicou seu Tratado com apenas 28 anos de idade e seu trabalho rendeu-lhe muitas criticas na época. Passou a atuar também como ensaísta e historiador.

POR QUE MUDOU A HUMANIDADE

A obra influenciou o positivismo de Augusto Comte, o pensamento de John Stuart Mill e Kant (pág. 55), que afi rma ter sido despertado do “sono dogmático” pelo pensamento de Hume, especialmente o da crítica da causalidade.