Clique e Assine a partir de R$ 12,90/mês

A muralha chinesa

Por Da Redação Atualizado em 31 out 2016, 18h21 - Publicado em 31 out 2004, 22h00

A construção da Grande Muralha da China, o maior muro do planeta, começou por volta de 220 a.C., a mando do primeiro imperador da dinastia, Qin Shin Huang. A obra uniu fortificações erguidas a partir do século 8 a.C. e formou um sistema contra invasões no norte. Foi na dinastia Ming (1368-1644) que a muralha ganhou as principais características. Os paredões têm entre 4,5 e 9 metros de largura e altura média de 7,5 metros. No auge dos trabalhos, a construção chegou a 7 300 quilômetros de leste a oeste, mas a ação do tempo e o descaso destruíram parte do muro. Hoje, o trecho mais bem conservado, de 3 460 quilômetros, embora existam vestígios em mais 3 570 quilômetros, pode ser visto do espaço. Não se sabe quantos homens trabalharam na obra. Os historiadores acreditam que 1 milhão de pessoas morreram na construção e estariam enterradas ao longo da muralha.

O trecho mais bem conservado da Grande Muralha da China, com 3 460 quilômetros, corresponde a oito vezes a distância entre as cidades de São Paulo e Rio de Janeiro

Publicidade