GABRILA65162183544miv_Superinteressante Created with Sketch.

Sífilis: Doença viaja por culpa de Colombo

Antropólogos desconfiam que a bactéria da sifílis é de origem americana.

Será que a sífilis sempre existiu em toda parte ou foi importada da América? Um estudo de antropólogos americanos sobre a origem dessa doença venérea reforça a segunda hipótese. A idéia de que a bactéria de sífilis, causadora de lesões fatais, infectou os antepassados do homem ao longo da evolução, sendo comum, portanto em todas as primitivas populações humanas, não se reflete na comparação de esqueletos, baseada nas inconfundíveis marcas que a doença deixa no crânio e nos ossos da perna. Os sinais aparecem em restos de homens que viveram há cerca de 4 mil anos na América do Sul. No velho mundo europeu, porém, não há marcas do mal em ossos de épocas anteriores a 1492 – mais do que coincidência, crêem os antropólogos, o ano em que a tripulação do genovês, Cristóvão Colombo descobriu a América.