Clique e Assine a partir de R$ 9,90/mês

Camada da Antártida: Cresce o buraco de ozônio polar

O INPE conclui que está crescendo a cada ano o buraco da camada de ozônio sobre a Antártida.

Por Da Redação Atualizado em 31 out 2016, 18h59 - Publicado em 28 fev 1993, 22h00

Em 1992, o buraco na camada de ozônio sobre a Antártida alcançou 23 milhões de quilômetros quadrados – ou seja, um aumento de 10% entre 1991 e 1992. Este é o resultado das medições anuais feitas pelo INPE (Instituto Nacional de Pesquisas Espaciais), de São José dos Campos, SP. Para isso, usaram-se balões atmosféricos acionados durante a primavera antártida, que vai de meados de agosto até outubro. Nos primeiros seis meses do ano, os gases atmosféricos permanecem inertes, pois é inverno e não há energia solar suficiente para alimentar alguma atividade química. Volker Kirchhoff, engenheiro e gerente do Programa Amazônia do INPE, relata que os estados de alerta já são comuns para os 80 000 habitantes de Punta Arenas, extremo sul do Chile. Os alertas se devem ao excesso de radiação ultravioleta do Sol que chega à Terra devido à falta de ozônio protetor na atmosfera. Eles são previstos em medições conjuntas do INPE e da Universidade de Magalhães, chilena.

Publicidade
Ideias
Camada da Antártida: Cresce o buraco de ozônio polar
O INPE conclui que está crescendo a cada ano o buraco da camada de ozônio sobre a Antártida.

Essa é uma matéria exclusiva para assinantes. Se já é assinante, entre aqui. Assine para ter acesso a esse e outros conteúdos de jornalismo de qualidade.

Essa é uma matéria fechada para assinantes e não identificamos permissão de acesso na sua conta. Para tentar entrar com outro usuário, clique aqui ou adquira uma assinatura na oferta abaixo

Transforme sua curiosidade em conhecimento. Assine a Super e continue lendo

MELHOR
OFERTA

Digital

Plano ilimitado para você que gosta de acompanhar diariamente os conteúdos exclusivos no site e ter acesso a edição digital no app.

App SUPER para celular e tablet, atualizado mensalmente.

a partir de R$ 9,90/mês

ou

30% de desconto

1 ano por R$ 82,80
(cada mês sai por R$ 6,90)

Impressa + Digital

Plano completo da Super. Acesso aos conteúdos exclusivos em todos formatos: revista impressa, site com notícias e revista no app.

Acesso ilimitado ao Site da SUPER, com conteúdos exclusivos e atualizados diariamente.

Receba mensalmente a SUPER impressa mais acesso imediato às edições digitais no App SUPER, para celular e tablet.

a partir de R$ 12,90/mês

Publicidade