GABRILA65162183544miv_Superinteressante Created with Sketch.

Sonho enraizado

A doença mudou minha visão sobre o projeto¿, afirmou o biólogo numa entrevista, ano passado. ¿Percebi que uma das melhores contribuições que poderia dar seria tornar as coisas pelas quais lutei independentes de mim¿, disse.

Denis Russo Burgierman

No Prêmio Super Ecologia de 2003 , o grande homenageado foi o ambientalista José Márcio Ayres, que criou a Estação Ecológica Mamirauá, no Amazonas, lar do esquisito macaco uacari-branco. Ayres morreu de câncer em março, aos 49 anos, deixando Mamirauá órfã, mas deixou para o Brasil um novo conceito de conservação que leva em conta tanto a natureza quanto as pessoas. A boa notícia é que, passado meio ano de sua morte, o Instituto Mamirauá e a reserva estão funcionando tão bem quanto no tempo em que ele era vivo.

Pouco antes de morrer, Ayres tinha conquistado um outro prêmio – este concedido pela Rolex, que todos os anos escolhe cinco empreendedores ao redor do mundo e entrega 100 mil dólares para cada um. O dinheiro ele deixou todo para o instituto e virou salários e equipamentos.

“A doença mudou minha visão sobre o projeto”, afirmou o biólogo numa entrevista, ano passado. “Percebi que uma das melhores contribuições que poderia dar seria tornar as coisas pelas quais lutei independentes de mim”, disse. Por causa disso, a antropóloga Ana Rita Alves já se preparava para assumir a direção do instituto. A equipe garante que está ainda mais determinada que antes. Bom ver que cada vez menos o futuro depende de um ou outro sonhador – que os sonhos podem criar raízes e crescer sozinhos.