GABRILA65162183544miv_Superinteressante Created with Sketch.

A CCXP lançou o seu próprio universo de fantasia

"A Ordem Vermelha: Filhos da Degradação" traz os elementos clássicos da fantasia para mais perto da nossa realidade

Desde a primeira edição da Comic Con Experience, em 2014, os fãs nerds vibraram com o ambiente do evento repleto de elementos dos universos fictícios que povoaram a nossa imaginação, como os de Star Wars, Senhor dos Anéis, Marvel e Harry Potter.

No meio de toda aquela informação, era impossível escapar da sensação de que faltava algo só nosso ali. Um representante tupiniquim no hall mitológico da cultura pop que a CCXP celebra. Mauricio de Sousa e a sua Turma da Mônica permanecem firmes e fortes cumprindo o seu papel, assim como os autores e quadrinistas de fantasia que, em sua maior parte, lotam o Artists’ Alley. Ainda assim, precisamos de mais universos fantásticos nacionais de peso onde os nerds podem discutir teorias, comprar camisetas e fazer cosplays.

Pensando nisso, a própria CCXP, em parceria com a editora Intrínseca, lançou o seu universo fantástico que teve o seu ponto de partida no livro A Ordem Vermelha: Filhos da Degradação, à venda no evento.

 (Editora Intrínseca/Mundo Estranho)

A obra foi escrita por Felipe Castilho (O Legado Folclórido) em cocriação com Rodrigo Bastos Didier e Victor Hugo Sousa. Os sócios da CCXP, assim como Daniel Lameira, editor da Intrínseca, também tiveram a sua dose de influência no processo criativo que levou dois anos de trabalho intenso.

A última região habitada do mundo, Untherak, é povoada por humanos, anões e gigantes, sinfos, kaorshs e gnolls. Nela, a deusa Una reina soberana, lembrando a todos a missão maior de suas vidas: servir a Ela sem questionamentos. No entanto, um pequeno grupo de rebeldes, liderado por uma figura misteriosa, está disposto a tudo para tirá-la do trono.

Com uma campanha massiva de marketing no evento, A Ordem Vermelha pode ser o primeiro passo de algo muito maior e abrir precedentes para que a cultura pop brasileira fique ainda mais forte. Estamos torcendo.

Veja também