Clique e Assine SUPER por R$ 9,90/mês
Continua após publicidade

Maldições de Hollywood, parte 1: O Bebê de Rosemary

Ficção ou realidade? Conheça os bastidores de filmes assolados por fenômenos sobrenaturais, mortes estranhas e coincidências inexplicáveis

Por Marcel Nadale
Atualizado em 22 fev 2024, 10h29 - Publicado em 24 fev 2016, 18h42
bebe-rosemary

ILUSTRA Marcio de Castro

A vida imita a arte?

O diretor Roman Polanski contou a história de uma mulher grávida do capeta… e viu a própria esposa, também grávida, ter uma morte violenta

1. O Bebê de Rosemary,de 1968, fala de uma recém-casada, grávida, que passa a suspeitar que seu marido, um ator ambicioso, a ofereceu para ser fecundada pelo demônio. Para isso, ele teria contado com a ajuda de seus novos vizinhos no assustador Edifício Dakota, em Nova York. A única pessoa que acredita em Rosemary, seu colega Hutch, morre com um misterioso coágulo cerebral

Continua após a publicidade

2. O suspense causou histeria instantânea desde a estreia, em 12 de junho de 1968. Fãs descreviam, horrorizados, o “bebê-demônio” da trama – sendo que ele nunca sequer é mostrado no filme! Um crítico diz que os vizinhos de Rosemary parecem “uma típica seita pequena e reclusa da Califórnia”

3. Por causa do tema “anticristão” do filme, o produtor William Castle começa a receber ameaças de morte. Em abril de 1969, Castle é internado em caráter emergencial, com falência renal. É o início da maldição. No hospital, testemunhas dizem tê-lo ouvido delirar e dizer: “Rosemary, pelo amor de Deus, solte esta faca!”

4. Coincidência macabra: no mesmo hospital estava Krzysztof Komeda, compositor da trilha sonora deO Bebê de Rosemary e grande amigo do diretor do filme, Roman Polanski, e da esposa dele, Sharon Tate. Assim como Hutch, o amigo de Rosemary, Komeda também morre por causa de um coágulo no cérebro

5. Em agosto, a coisa fica mais sangrenta. Sharon Tate é assassinada, a facadas, por quatro fanáticos de uma seita pequena e reclusa da Califórnia (já leu essa descrição em algum lugar?). Assim como Rosemary, Sharon estava grávida do primeiro filho. Mais quatro pessoas morrem no ataque, ocorrido na casa de Polanski. Na porta do local, os criminosos escrevem “porco” com o sangue das vítimas

Continua após a publicidade

6. O crime ganha os jornais e passa a ser conhecido como “Helter Skelter”, nome de uma música dos Beatles (a expressão significa “caos”, “decadência”). Coincidência final: 11 anos depois, o beatle John Lennon é assassinado na porta do prédio onde morava… o Edifício Dakota, onde se passava a trama deO Bebê de Rosemary

7. Anos depois,Polanski eventualmente contou, em sua biografia, que chegou a cogitar Sharon para o papel de Rosemary. Coincidência macabra? A morte da esposa do cineasta ficou entre os “dez momentos mais chocantes do entretenimento”, ranking criado pelo canal E! nos anos 90

FONTES Documentário The Curse of The Omen,de John MacLaverty; programas E! True Hollywood Stories: The Exorcist e Poltergeist; livrosHollywood Hex: An Illustrated History of Cursed Movies,de Mikita Brottman, e Roman by Polanski,de Roman Polanski; jornal The Sunday Herald; sites Craked, Mania, Imdb e BBC

Publicidade

Matéria exclusiva para assinantes. Faça seu login

Este usuário não possui direito de acesso neste conteúdo. Para mudar de conta, faça seu login

Domine o fato. Confie na fonte.

10 grandes marcas em uma única assinatura digital

MELHOR
OFERTA

Digital Completo
Digital Completo

Acesso ilimitado ao site, edições digitais e acervo de todos os títulos Abril nos apps*

a partir de 9,90/mês*

ou
Impressa + Digital
Impressa + Digital

Receba Super impressa e tenha acesso ilimitado ao site, edições digitais e acervo de todos os títulos Abril nos apps*

a partir de 14,90/mês

*Acesso ilimitado ao site e edições digitais de todos os títulos Abril, ao acervo completo de Veja e Quatro Rodas e todas as edições dos últimos 7 anos de Claudia, Superinteressante, VC S/A, Você RH e Veja Saúde, incluindo edições especiais e históricas no app.
*Pagamento único anual de R$118,80, equivalente a 9,90/mês.

PARABÉNS! Você já pode ler essa matéria grátis.
Fechar

Não vá embora sem ler essa matéria!
Assista um anúncio e leia grátis
CLIQUE AQUI.