Clique e Assine SUPER por R$ 9,90/mês
Continua após publicidade

Os 10 criminosos mais procurados pelo FBI

A lista não é um ranking, todos eles têm, em tese, o mesmo grau de urgência para ser capturados

Por Fabio Laudonio
Atualizado em 14 fev 2020, 17h29 - Publicado em 24 jan 2018, 14h18

PERGUNTA DO LEITOR Augusto Ruszkowski Holz, Camaquã, RS
ILUSTRA
Manga Mecânica
EDIÇÃO Felipe van Deursen

  • A lista dos dez mais procurados não é um ranking, ou seja, não existe um primeiro nem um décimo lugar. Todos estão no mesmo nível

Top 10 do FBI
O que é preciso para entrar na famigerada lista

Em 1950, a polícia federal dos EUA elaborou sua primeira lista dos dez mais procurados. Desde então, ela avalia a quantidade e a gravidade dos delitos cometidos e o grau de periculosidade que o criminoso representa para decidir se o inclui na lista. Em geral, rostos que já estão em evidência na mídia são descartados, pois a ideia é apresentar à sociedade outros bandidos. A recompensa de US$ 100 mil é o valor mínimo padrão estipulado. A partir de então, o montante aumenta de acordo com a fama. A cabeça de Osama bin Laden, por exemplo, chegou a valer US$ 25 milhões logo após os atentados do 11 de Setembro

Tipos visados
Cada época tem seu vilão preferido

Continua após a publicidade

Anos 50 Gângsteres e ladrões de banco

Anos 60 Revolucionários e conspiradores

Anos 70 Membros do crime organizado

Anos 80 Traficantes de drogas

Continua após a publicidade

Anos 90 Criminosos do colarinho branco

Anos 00 Terroristas islâmicos

Anos 10 Gangues e traficantes latino-americanos

Publicidade

Matéria exclusiva para assinantes. Faça seu login

Este usuário não possui direito de acesso neste conteúdo. Para mudar de conta, faça seu login

Domine o fato. Confie na fonte.

10 grandes marcas em uma única assinatura digital

MELHOR
OFERTA

Digital Completo
Digital Completo

Acesso ilimitado ao site, edições digitais e acervo de todos os títulos Abril nos apps*

a partir de 9,90/mês*

ou
Impressa + Digital
Impressa + Digital

Receba Super impressa e tenha acesso ilimitado ao site, edições digitais e acervo de todos os títulos Abril nos apps*

a partir de 14,90/mês

*Acesso ilimitado ao site e edições digitais de todos os títulos Abril, ao acervo completo de Veja e Quatro Rodas e todas as edições dos últimos 7 anos de Claudia, Superinteressante, VC S/A, Você RH e Veja Saúde, incluindo edições especiais e históricas no app.
*Pagamento único anual de R$118,80, equivalente a 9,90/mês.

PARABÉNS! Você já pode ler essa matéria grátis.
Fechar

Não vá embora sem ler essa matéria!
Assista um anúncio e leia grátis
CLIQUE AQUI.